29.1 C
Lucas do Rio Verde
domingo, 22 maio, 2022
Publicidade
InícioECONOMIAComércio de carros novos diminui; venda de motos supera expectativas em MT

Comércio de carros novos diminui; venda de motos supera expectativas em MT

Entre outros fatores, a queda está relacionada às paralisações das fábricas pela escassez de componentes para a produção, mas a montagem de motos melhorou
CenárioMT

Mato Grosso encerrou abril registrando queda na venda de veículos novos. De acordo com a Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave), foram vendidos no mês 3.137 automóveis e comerciais leves, número 9,18% menor que o notificado no mesmo mês de 2021. Com relação ao mês anterior, a queda é de 4,13%.

A tendência decrescente na comercialização de veículos não se restringe ao Estado, uma vez que no cenário nacional, a queda ficou no mesmo patamar (-16,80%). Na contramão desse cenário, a venda de motocicletas cresceu 46,14% no comparativo de abril de 2021 e deste ano.

A linha em declínio de emplacamento de veículos no Estado vem sendo registrada desde o primeiro mês deste ano. Ao analisar a economia do setor de forma geral, o acumulado de janeiro e abril apresentou 1,26% de queda se comparado ao primeiro quadrimestre de 2021. O número dá a falsa sensação de estabilidade, o que não pode ser tomada como verdade absoluta. É o que frisa o presidente da Fenabrave-MT, Paulo Boscolo. “Automóveis despencou e motocicletas dispararam. Ônibus e caminhões apresentam crescimentos importantes também, mas com base em volumes relativamente pequenos”, salienta.

Em alta

Mesmo diante de um quadro negativo de vendas, há setores do comércio de veículos que comemoram, como é o caso das concessionárias de motocicletas. No acumulado de janeiro a abril do ano passado 9.222 motos foram emplacadas em Mato Grosso, quantitativo superado este ano, quando 10.806 novas motos foram comercializadas (17,18% a mais).

Caminhão e ônibus também superaram expectativas, sendo que, na ordem respectiva, apresentaram 31,27% e 54,35% de alta.  “Segundo mês seguido de crescimento forte em motocicletas: parece que as montadoras encontraram o caminho da retomada da produção e a demanda continua pressionando a produção. Em se tratando dos caminhões, o que se ouve dos colegas concessionários é que a produção de 2022 já está praticamente vendida”, diz o presidente da Fenabrave-MT. Ele ainda acrescenta o fato da oferta e procura continuar invertida.

Questionado sobre os fatores que colaboram para a queda nas vendas de automóveis, Boscolo destaca os mesmos motivos dos meses anteriores. “Lockdown na China e nos principais países fornecedores de componentes para a indústria do mundo inteiro. Associado a isso, as preocupações provenientes da guerra da Rússia e a volatilidade do mercado financeiro”, diz o presidente da Fenabrave-MT. Ele ainda acrescenta o fato da oferta e procura continuar invertida.

Para Edson Maia, diretor da Fenabrave-MT, que representa o segmento de automóveis e comerciais leves, “existe uma demanda que faria os números serem melhores, mas a produção caiu muito mais. Com isso, no mundo todo, o custo de montagem de um veículo ficou mais alto”.

Celso Ferreira Neryhttps://www.cenariomt.com.br
É formado em Jornalismo. Possui experiência em produção textual e, atualmente, dedica-se à redação do CenárioMT produzindo conteúdo sobre política, economia e esporte regional.

Publicidade


Publicidade

Lucas do Rio Verde

Lucas do Rio Verde
Prefeitura avança na revitalização e abertura de ciclovias em Lucas do Rio Verde
maio 22, 2022
Mato Grosso
Polícia prende homem por agredir esposa gestante e enteada menor de idade em Lucas do Rio Verde
maio 22, 2022
Mato Grosso
Polícia realiza palestras para professores e comunidade escolar de Lucas do Rio Verde
maio 22, 2022
TRÂNSITO
Motorista perde controle de veículo e bate em carreta parada em Lucas do Rio Verde
maio 21, 2022