Campanha pede doação de máscaras de mergulho criar para suporte ventilatório a pacientes com Covid-19

0
Foto: Reprodução / Instagram

Uma campanha idealizada por profissionais de fisioterapia de Cuiabá e um professor da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT) busca arrecadar máscaras de mergulho para suporte ventilatório de pacientes com Covid-19. Neste momento, o Estado é o epicentro do coronavírus no Brasil. Além disso, não há produto disponível para compra.

De acordo com a fisioterapeuta intensivista Caroline Brito, as máscaras de mergulho Full Face podem ser adaptadas para serem usadas no ventilador mecânico e ofertar suporte para os pacientes sem necessidade de intubação e sedação.


-Continua depois da publicidade ©-

Em publicação das redes sociais, ela explica: “uma pessoa tratada com suporte não invasivo (VNI) tem alta mais rápido e reduz enormemente a chance de morrer em função da doença que ataca não só o pulmão, mas o coração, os rins, a circulação e outros mais”, afirma.

As máscaras arrecadadas serão distribuídas para todos os hospitais que precisam. “É uma grande oportunidade de ajudar ativamente na mudança do curso do que estamos vivendo”, acrescenta.

Ainda conforme a profissional, não há máscaras disponíveis para compra e as usadas anteriormente não são confortáveis. “A chance do paciente não aguentar usá-las piora a condição clínica deles. Já algumas máscaras adaptadas estão tendo ótima aceitação dos pacientes”, finaliza.

Quem tiver interesse em ajudar pode entrar em contato com ela pelo Instagram. A campanha já arrecadou quatro máscaras, até a publicação desta matéria.

Leia também: Resultado das loterias de hoje (18/09/2020)


Amazonia 03 de Junho