18 C
Lucas do Rio Verde
quinta-feira, 29 julho, 2021
InícioCENÁRIO POLÍTICOGOV-MTSão José dos Quatro Marcos comemora 54 anos de fundação com parcerias...

São José dos Quatro Marcos comemora 54 anos de fundação com parcerias do Governo do Estado

A rodovia MT 175, que cruza o município, está em manutenção, num total de 104,1 quilômetros; nova empresa passa a atender transporte intermunicipal de passageiros; Empaer entrega alevinos a agricultores familiares; escola estadual; famílias carentes são beneficiadas com auxílio emergencial
Por CenárioMT

São José dos Quatro Marcos, cidade no sudoeste mato-grossense com 18.846 habitantes e distante 309 quilômetros de Cuiabá, comemora 54 anos de fundação nesta terça-feira, 15 de junho, com parcerias do Governo do Estado em infraestrutura, logística, educação, agricultura familiar e assistência social.

Por meio da Sinfra (Secretaria de Estado de Infraestrutura e Logística), está em execução a manutenção da MT-175, que cruza o município, entre o entroncamento da BR-174 e Reserva do Cabaçal, num total de 104,10 quilômetros. Estão sendo investidos R$ 14,5 milhões.


--Continua depois da publicidade--

Uma nova empresa de transporte coletivo intermunicipal de passageiros, a Viação Juína, passou a ser responsável por atender as cidades-polo de Araputanga, Comodoro, Pontes e Lacerda e São José dos Quatro Marcos, além de Cáceres, na modalidade diferenciada.

Agricultores familiares do município foram beneficiados com entrega, em maio deste ano, de alevinos de tambacu, tambatinga e pirapitinga, pela Empaer (Empresa Mato-grossense de Pesquisa, Assistência e Extensão Rural), em parceria com o Consórcio Complexo Nascentes do Pantanal. A meta é atender 209 produtores de 14 municípios, num total de 120 mil alevinos. Nesta primeira etapa foram distribuídos 26 mil.

Educação

A Escola Estadual Lourenço Peruchi, no bairro Jardim Popular, está na licitação da Secretaria de Estado de Educação (Seduc), para instalação de transformadores de energia elétrica de média tensão em baixa tensão, para uso de aparelhos de ar-condicionado.


--Continua depois da publicidade--

Assistência Social

Por meio da Secretaria de Estado de Trabalho e Assistência Social, além da recente entrega de 453 cartões do Ser Família Emergencial, foram doados a famílias carentes do município 975 cestas básicas entre 2020 e 2021, pelo programa Vem Ser Mais Solidário, e 1001 cobertores, pelo Aconchego.

Saúde e repasses

A Secretaria de Estado de Saúde repassou ao município 1.600 testes rápidos para detecção do coronavírus e medicamentos para combatê-lo, num total de 69.195 comprimidos, entre azitromicina (8.508), ivermectina (6.806) e dipirona (53.881), também distribuído em gotas, com 1.323 frascos.

Entre 2020 e 2021, o Governo do Estado repassou R$ 14,917 milhões aos cofres municipais em ICMS, IPVA e Fethab; R$ 1,74 milhão em assistência social e transporte escolar entre 2019 e 2020; e R$ 1,122 milhão em fundos de saúde entre 2019, 2020 e 2021.

Economia

Os setores de serviços, com R$ 156,364 milhões, e administração pública (R$ 108,412 milhões) preponderam na composição do Produto Interno Bruto (PIB) municipal, avaliado em 2018 pelo IBGE em R$ 379,785 milhões. Agropecuária (R$ 45,7 milhões), impostos (R$ 37,26 milhões), e indústria (R$ 32,031 milhões) fecham a soma. O PIB per capita é R$ 20.023,47

No mesmo ano, um total de 504 empresas (e outras organizações), entre elas um laticínio, pagou, entre salários e outras remunerações, R$ 62,359 milhões a 3.026 pessoas ocupadas (16% da população), das quais 2.386 assalariados. Média de 2,1 salários mínimos.


--Continua depois da publicidade--

O laticínio é abastecido em boa parte pelos 8,66 milhões de litros de leite de 4.277 vacas ordenhadas, de um rebanho bovino com 215,9 mil cabeças, segundo dados do IBGE de 2019. Na pecuária, o município conta ainda com rebanho galináceo de 48,6 mil cabeças, das quais 22 mil galinhas, com 130 mil dúzias de ovos; 170 bubalinos, 2.605 equinos, 2.368 ovinos e 5.810 suínos (690 matrizes), além 21 toneladas de peixes em cativeiro.

Segundo maior produtor estadual de mamão (780 toneladas) e terceiro em laranja (300), São José dos Qautro Marcos cultiva ainda abacaxi, banana, limão, maracujá, melancia, borracha, cana de açúcar, mandioca, milho, soja e palmito.

Da frota municipal de quase 13 mil veículos (um a cada 1,45 habitante) registrada em 2020, quase 90%  era formada por motocicletas e motonetas (5.748) e automóveis e caminhonetes (5.755).

História


--Continua depois da publicidade--

O início foi em 1962, quando uma extensa área foi adquirida onde hoje se localiza o município. O “Quatro Marcos” é uma referência aos pontos demarcados dos lotes, somado mais tarde ao “São José”, santo protetor escolhido pela população, oriunda de São Paulo, Minas Gerais, Paraná e, em menor proporção, Nordeste.

Em 1966, foi construída a primeira escola, de pau-a-pique com cobertura de tabuinhas, na área central do povoado. Como o professor desistiu, a escola foi fechada e reinaugurada no ano seguinte (1967), com uma grande festa, em 15 de junho, definido como o dia da fundação do atual município.

Mais de uma década depois, em 1977, foi criado o distrito de Quatro Marcos; em 1979 é elevado a município, com o mesmo nome. Foi instalado em janeiro de 1984, desta vez como São José dos Quatro Marcos.

 

© CenárioMThttps://www.cenariomt.com.br
CenárioMT - Publicamos notícias diariamente no portal!
- Publicidade -

Lucas do Rio Verde

VACINAÇÃO CONTRA COVID-19
“Vão ter que esclarecer no MP”, diz secretária sobre pessoas que tomaram dose extra de vacina em Lucas
julho 29, 2021
SAÚDE
Lucas do Rio Verde volta registrar óbito em decorrência da Covid-19
julho 29, 2021