‘Faço um apelo para você que pensa que a pandemia é invenção’, diz secretário de Saúde de MT

0
Foto: Christiano Antonucci / Secom - MT

O secretário de Saúde de Mato Grosso, Gilberto Figueiredo, fez novamente um apelo nesta segunda-feira (11) para que os moradores mato-grossenses cumpram as medidas de segurança e, se possível, fiquem em casa por causa da pandemia do coronavírus (Covid-19).

“Faço um apelo a você que ainda acredita que a pandemia é invenção. Eu não sei se é uma mentira os quase mil óbitos por dia em um final de semana no Brasil. Não sei se é mentira que os cemitérios estão com várias covas abertas. Não sei se é ficção que os números começam a crescer em Mato Grosso. Cuidado, você cético, você está colocando a sua vida e a dos outros em risco”, alertou.

Mato Grosso registrou a 19ª morte por coronavírus (Covid-19) no estado nesta segunda-feira em Barra do Garças, a 516 km de Cuiabá.

As outras 18 vítimas que morreram de Covid-19 em Mato Grosso moravam em Lucas do Rio Verde, Cáceres, Aripuanã, Rondonópolis, Cuiabá, Mirassol D’ Oeste, Barra do Garças, Sinop, Querência, Nova Mutum, Várzea Grande, Vale de São Domingos e do Rio de Janeiro, que estava no estado.

Até domingo (10), a Secretaria Estadual de Saúde (SES-MT) confirmou 519 casos de Covid-19 em Mato Grosso. Dos casos confirmados, 183 estão em isolamento domiciliar e 265 estão recuperados. Há ainda 53 pacientes hospitalizados, sendo 28 em Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e 25 em enfermaria.

“A situação pior ainda não chegou. Ainda teremos dias difíceis. Estamos há vários dias salientando a participação da população. Não dá para relaxar”, preocupou o secretário.


Amazonia 03 de Junho