Azul suspende voos diretos entre Porto Velho e Manaus, mas mantém voo diário para Cuiabá

0
Foto: Divulgação/ Azul Linhas Aéreas

A Azul Linhas Aéreas suspendeu os voos diretos que eram feitos diariamente entre Porto Velho e Manaus. A suspensão vai até o fim de abril e faz parte das ações adotadas pela empresa durante o período da pandemia do novo coronavírus, quando todas as companhias registram queda no número de passageiros.

Apesar de suspender os voos direto para Manaus, a companhia decidiu manter um voo diário e direto entre Porto Velho e Cuiabá (em um Airbus A320 neo).


-Continua depois da publicidade ©-

A decolagem de Rondônia para o Mato Grosso vai ocorrer às 13h55. Já o voo de Cuiabá para Porto Velho também será diário, com saída às 11h15 do aeroporto internacional Marechal Rondon.

Até o fim de abril, a companhia vai operar somente 70 voos diários para 25 cidades. São elas: Campinas, Belo Horizonte, Recife, Belém, Brasília, Cuiabá, Campo Grande, Curitiba, Fernando de Noronha, Fort Lauderdale (EUA), Florianópolis, Goiânia, Manaus, Montes Claros, Orlando (EUA), Palmas, Porto Alegre, Porto Velho, Rio de Janeiro – Santos Dumont, São Luís, Salvador, Tefé (AM), Tabatinga (AM), Uberlândia (MG) e Vitória.


Como viajar para Manaus de Azul?

Com a suspensão dos voos direto para Manaus, o rondoniense que precisar ir à capital amazonense vai embarcar na Azul (via Cuiabá) e seguir até Campinas, interior de São Paulo. Ao chegar em Campinas, o passageiro fará uma conexão com mais de 15h de espera.


--Continua depois da publicidade ©--
Ao todo, a viagem entre Porto Velho e Manaus deve durar 23h05, de acordo com informações disponibilizadas no próprio site da Azul.

Em nota divulgada no fim de semana, a empresa informou que reduziu sua capacidade operacional em cerca de 90% desde 25 de março até 30 de abril. As medidas limitam significativamente clientes, tripulantes e parceiros. A companhia afirmou que já está em contato com “os clientes impactados pelas alterações para providenciar a reacomodação deles”.

GOL

No fim de semana, a GOL anunciou que não fará mais viagens diárias entre Porto Velho e Brasília (DF). Agora o voo passa a ser semanal, sempre na terça-feira.

A nova malha aérea começou a valer no sábado (28) e segue até o final de abril, quando uma nova avaliação será feita pelas companhias e pela Agência Nacional de Aviação (Anac).

A Gol informou que passou a centralizar todos os voos da companhia para o aeroporto de Guarulhos, em São Paulo. Segundo a empresa, a prioridade é atender aos clientes que tenham voos agendados entre os dias 28/3 a 3/5, que deslocarão os passageiros para as principais capitais e, sob demanda, para destinos regionais e internacionais.