Campanha da Fraternidade lançada no Vinde e Vede em Cuiabá tem como foco empatia e cuidado com o próximo

0
Foto: Eduardo Cardoso/Assessoria

A Campanha da Fraternidade 2020 será lançada em Mato Grosso nesta terça-feira (25), durante o encerramento do 34º Vinde e Vede, com o tema “Fraternidade e Vida: Dom e Compromisso”. A campanha deste ano incentiva todos os cidadãos a exercitar a empatia e desenvolver a capacidade de cuidar do próximo. O lema escolhido é: “Viu, sentiu compaixão e cuidou dele”.

O lançamento vai acontecer no Memorial João Paulo II, em Cuiabá, a partir das 19h30, durante a Missa que será presidida pelo Arcebispo de Cuiabá, Dom Milton Santos.

Lançada no mesmo período de início da Quaresma, a Campanha da Fraternidade já propôs a reflexão sobre realidades próximas dos brasileiros, como família, políticas públicas, saúde, trabalho, educação, moradia e violência.

Arcebispo Dom Milton Santos explica que os verbos de ação que irão conduzir a campanha deste ano – ver, sentir compaixão e cuidar – fazem referência à clássica parábola do bom samaritano, que será representada pela imagem de Santa Dulce dos Pobres, o “Anjo Bom da Bahia”, recém-canonizada pela Igreja Católica.

Segundo o arcebispo, a Santa Dulce dos Pobres foi escolhida por ter sido um dos maiores exemplos de amor e caridade. Ela viveu entre 1914 e 1992, promovendo, desde a adolescência, ações humanitárias que ganharam repercussão pelo mundo.

A Campanha da Fraternidade segue até a última semana de novembro, período em que os cristãos são convidados a colocar em prática o tema proposto em 2020.

Ao longo do ano, as paróquias também recebem doações dos fiéis, que são destinadas ao apoio de projetos sociais da comunidade diocesana.

A campanha surgiu há mais de 50 anos. A cada ano, desde 1964, a Igreja no Brasil propõe a todos os cristãos, a Campanha da Fraternidade (CF). Essa campanha desenvolveu-se mais intensamente durante a Quaresma, período entre a Quarta-feira de cinzas, logo após o Carnaval, e a Páscoa.

No entanto, aos poucos, o tema da campanha foi sendo refletido dentro da vida da Igreja durante todo o ano.