Família espalha cartazes com foto e busca pistas de servidora que desapareceu há 5 dias após sair de casa para sacar salário em MT

0
Foto: Divulgação

A família a servidora pública, Fabiana Marisney Cintra da Silva, de 41 anos, espalhou vários cartazes com a foto dela pela cidade e busca pistas do que possa ter ocorrido. Até o momento, os familiares sabem que ela saiu de casa, no Bairro CPA 3, em Cuiabá, dizendo que ia para a escola onde trabalha, no Bairro CPA 3. Entretanto, segundo as informações que receberam de testemunhas, o percurso foi outro. Ela está desparecida desde a segunda-feira (3).

A família descobriu que Fabiana foi ao banco e sacou todo o salário dela. Além disso, o taxista que foi chamado para transportá-la disse que a levou até um mercado e depois a deixou no Hospital Universitário Júlio Müller (HUJM), no Bairro Alvorada.


Continua depois da publicidade

Segundo a irmã da servidora, Tatiana da Silva, testemunhas relataram que viram uma mulher com as características dela andando em Várzea Grande, região metropolitana da capital. De acordo com as informações, ela estaria com aspecto de desorientação, descalça e com o cabelo despenteado.

“Falaram pra gente que ela teria tentando entrar em um ônibus no Terminal André Maggi, mas o motorista teria pedido para ela descer, em razão do aspecto dela. Mas, fazemos um apelo para as pessoas que virem essa pessoa, que parem ela, que tentem conversar, para sabermos se é ela mesmo”, comentou Tatiana.

-Continua depois da publicidade ©-

A irmã disse ainda que Fabiana é diabética e não toma os remédios necessários desde que saiu da casa. A família já fez buscas em Unidades de Pronto Atendimento (UPA) e hospitais, mas não conseguiu encontrar a servidora.

O núcleo de desaparecidos da Delegacia Especializada de Homicídio e Proteção a Pessoa investiga o caso.





-Patrocinador-