15.8 C
Lucas do Rio Verde
quarta-feira, 10 agosto, 2022
Publicidade
InícioMUNDORegião da Amazônia tem as cidades mais violentas do país

Região da Amazônia tem as cidades mais violentas do país

Texto por R7

região da Amazônia Legal tem 13 dos 30 municípios mais violentos do Brasil. São cidades pequenas e rurais, que proporcionalmente registram até nove vezes mais mortes violentas intencionais do que a média nacional. Os dados inéditos constam na 16ª edição do Anuário do Fórum Brasileiro de Segurança Pública, divulgados nesta terça-feira (28).

As informações, coletadas com as secretarias de Segurança Pública dos estados, foram analisadas a partir das médias anuais de assassinatos no período entre 2019 e 2021. Os pesquisadores consideram como “mortes violentas intencionais” todas as ocorrências registradas de homicídios, latrocínios, lesões corporais seguidas de morte, feminicídios, homicídios de policiais e mortes por intervenções policiais.


--Continua depois da publicidade--

O município de São João do Jaguaribe, no Ceará, com 224 mortes violentas a cada 100 mil habitantes, ocupa o primeiro lugar entre as mais violentas do país. Entre os 30 municípios mais violentos não há nenhum das regiões Sul e Sudeste.

Entre as cidades mais violentas do país está Jacareacanga, no Pará, que ocupa o segundo lugar do ranking, com 199,2 mortes violentas intencionais a cada 100 mil habitantes. Também na Amazônia Legal, Santa Luzia D’Oeste e São Felipe D’Oeste, em Rondônia, ocupam o quarto e quinto lugar respectivamente.

A taxa desproporcional de mortes nessas cidades da Amazônia Legal alerta os autores por ser um reflexo do crescimento de diversas categorias do crime organizado: o tráfico de drogas, o desmatamento e o garimpo. Mesmo ao considerar toda a região, que ocupa quase 60% do território brasileiro, a média de casos é de 30,9 — 38% maior do que a nacional, de 22,4.

“O que tem acontecido recentemente é uma intensificação da sobreposição dos crimes ambientais — que já ocorriam na região — com outras modalidades criminosas mais organizadas. Essa sobreposição tem provocado o crescimento da violência nesses municípíos com característica rural ou florestal”, explica o sociólogo David Marques, um dos coordenadores do Anuário.


--Continua depois da publicidade--

Neste mês, a violência causada por esses criminosos gerou comoção nacional e internacional, com o assassinato do jornalista Dom Phillips e do indigenista Bruno Pereira por uma quadrilha de pescadores ilegais no Vale do Javari, no Amazonas.

Marques também aponta os conflitos fundiários como um dos grandes responsáveis pelo problema e cita que 77% das 403 mortes envolvendo disputa de terras no Brasil aconteceram na região da Amazônia Legal nos últimos dez anos, segundo a Comissão Pastoral da Terra.

“É uma região na qual ainda perdura um certo caos fundiário. Tem uma grande proporção de terras que são da União, áreas de preservação especial — como unidades de conservação, ou terras indígenas e quilombolas. E tem uma grande proporção de terras ainda em destinação. É uma área geograficamente muito grande, com uma capacidade de fiscalização muito baixa por parte do poder público.”

A Amazônia Legal também engloba importantes disputas do tráfico de drogas pelas principais rotas nacionais e internacionais de transporte das substâncias. De acordo com o Anuário, 20 facções criminosas regionais e as duas maiores do país (Primeiro Comando da Capital e Comando Vermelho) estão em conflito na área.

Rebeca Moraes
Rebeca Moraeshttps://www.cenariomt.com.br/
Redatora do portal CenárioMT, escreve diariamente as principais notícias que movimentam o cotidiano das cidades de Mato Grosso. Já trabalhou em Rádio Jornal (site e redação).

Publicidade


Publicidade

Lucas do Rio Verde

Lucas do Rio Verde
Assistência Social realiza encontro sobre violência doméstica com merendeiras escolares
agosto 09, 2022
Lucas do Rio Verde
Prefeitura abre novas vagas para a Brigada Municipal Mista em Lucas do Rio Verde
agosto 09, 2022
Semana do Bebê
Prefeitura de Lucas do Rio Verde divulga programação da Semana do Bebê
agosto 09, 2022
Lucas do Rio Verde
Projeto de implantação do campus da UFMT é apresentado para a Gestão Miguel Vaz
agosto 09, 2022