22 C
Lucas do Rio Verde
quinta-feira, 04 março, 2021
Início MUNDO Policial é chamado para ocorrência, mas é preso nu e embriagado dentro...

Policial é chamado para ocorrência, mas é preso nu e embriagado dentro de prostíbulo

Por CENÁRIOMT COM INF. G1

Um policial militar de 39 anos foi preso após ser flagrado nu e embriagado durante o período que estava em serviço, em um prostíbulo de Jataí, na região sudoeste de Goiás. Segundo a corporação, o militar teria ido até o local atender uma denúncia relacionada a porte de arma de fogo, mas chegando ao local, começou a ingerir bebida alcoólica e a se relacionar com uma prostituta.

O caso aconteceu na madrugada do último domingo (17). De acordo com a PM, o sargento teria ido até a casa noturna acompanhado de um soldado para verificar se uma pessoa estava portando uma arma de fogo, mas ao chegar lá não encontraram nada.


--Continua depois da publicidade--

Conforme o relado da PM no boletim de ocorrência, o outro policial que acompanhava o sargento chegou a chamá-lo para ir embora por diversas vezes, mas ele se negou a deixar o prostíbulo e acabou sendo deixado pelo companheiro no local.

Ainda segundo a PM, o comandante do batalhão da região, ao tomar conhecimento do fato, determinou que o efetivo da equipe que estava trabalhando no dia fosse até a casa noturna autuar o militar, em flagrante. Consta ainda na ocorrência que ao chegar no quarto onde o PM estava, ele foi encontrado sem roupa, com a farda e a arma jogadas no chão. Após ser preso, o policial foi encaminhado para a Corregedoria da Polícia Militar em Goiânia.

Segundo a PM, policial foi preso em flagrante inicialmente por embriaguez durante o serviço, mas pode responder por outros crimes militares.



Dayelle Ribeirohttps://www.cenariomt.com.br
Redatora do portal CenárioMT
- Publicidade -

Últimas no CenárioMT

Lucas do Rio Verde

OPORTUNIDADE
Confira as vagas de emprego em Lucas do Rio Verde hoje, 4 de março de 2021
março 04, 2021
DESENVOLVIMENTO
Lucas do Rio Verde alcança mais de 80% de metas em plano de desenvolvimento do TCE-MT
março 04, 2021