Obras de recuperação de ponte em São Vicente (SP) vão beneficiar 350 mil pessoas

Presidente Jair Bolsonaro visitou as obras da ponte A Tribuna, que contará com investimento de R$ 57,3 milhões do Governo Federal

0

O presidente Jair Bolsonaro e o ministro do Desenvolvimento Regional, Rogério Marinho, visitaram, nesta sexta-feira (7), as obras de recuperação da infraestrutura a ponte A Tribuna, antiga Ponte dos Barreiros, em São Vicente (SP). A obra terá o investimento de R$ 57,3 milhões do Ministério do Desenvolvimento Regional e, quando concluída, vai beneficiar 350 mil pessoas.

A Ponte A Tribuna liga as áreas continental e insular do município de São Vicente, transpondo o Canal dos Barreiros. As obras de recuperação estão na primeira fase. Neste ano, mais de R$ 11,4 milhões já foram repassados pelo Governo Federal para a intervenção. A prefeitura vai investir cerca de R$ 600 mil na obra, como contrapartida.

Bolsonaro e Rogério Marinho vistoriaram a obra acompanhados de autoridades locais e cumprimentaram os moradores da região. O ministro destacou a importância da recuperação da ponte para o município.

“O ministério fez um trabalho aqui orientado pelo presidente Bolsonaro uma vez que fomos procurados pela classe política local. Todos estiveram envolvidos aqui nesse processo para que não houvesse nenhuma interrupção no trânsito entre o bairro e centro da cidade. Essa é uma obra importante, essencial, ela começa a mostrar resultados, houve a liberação do tráfego para veículos. A cidade está se unindo novamente e, brevemente, teremos a segunda etapa da obra”, disse.

O projeto executivo para o início das obras da segunda fase de recuperação está em análise pela Caixa. Após a aprovação, serão feitos reparos em 266 estacas, vigas e todo o pavimento da estrutura.

Após a conclusão dos serviços, a ponte comportará o tráfego de veículos de até três eixos, além de ciclistas e pedestres. A capacidade de suporte de carga será ampliada, de 36 para 45 toneladas.

A reestruturação da ponte

Em novembro de 2019, a ponte foi interditada por decisão judicial devido a problemas na estrutura. Em 1º de julho deste ano, foi reaberta parcialmente, com a liberação de tráfego para veículos leves. A reabertura foi possível devido a revitalização de 52 estacas, uma longarina e três travessas, que compreendem a primeira etapa das intervenções na ponte.

O pintor Marcos Roberto dos Santos vive em São Vicente contou que a ponte faz toda a diferença na sua rotina. “Enquanto esteve interditada era um transtorno muito grande. Eu gastava em torno de cinquenta minutos para chegar no meu destino. Indo pela ponte, a facilidade é imensurável, a gente consegue chegar no destino em dez minutos”, explicou.

Das 350 mil pessoas atendidas com as obras da ponte, 150 mil são moradores da Ilha de São Vicente e, os demais, vivem de outras cidades que integram a região metropolitana da Baixada Santista.

“A ponte é fundamental e necessária para o município. Essa ponte, estando de uma forma regularizada, vai beneficiar todos. Todos vão se sentir seguros, vão poder transitar de uma forma como deve ser, no fluxo de carros, ônibus, caminhões, e a segurança está em primeiro lugar”, disse Marcos Roberto.

Homenagem

Antes da visita à ponte, o presidente Bolsonaro foi homenageado em São Vicente e recebeu o título de Cidadão Vicentino, no 2º Batalhão de Infantaria Leve.

Leia também: Resultado das loterias de hoje (23/09/2020)


Amazonia 03 de Junho