Um vídeo que circulas nas redes sociais mostram o momento em que um Tubarão-mako de 2,26 metros, foi encontrado, ainda com vida em Guaratura, no litoral do Paraná – PR.

De acordo com o portal G1, o fato foi registrado na manhã dessa quarta-feira (19). O animal apresentava ferimentos na boca e com marcas de anzol. Pesquisadores da UFPR foram ao local e já encontraram o animal sem vida.

O animal foi recolhido pelos pesquisadores e encaminhado ao Laboratório de Ecologia e Conservação do Centro de Estudos do Mar (CEM) da Universidade Federal do Paraná, que vai pesquisar a causa da morte.

Foto: Arquivo pessoal/Felipe Correa

Tubarão-mako

De acordo com a coordenadora do laboratório, Camila Domit, o tubarão-mako é uma espécie altamente migratória. Por essa característica, é importante que o animal seja recolhido e pesquisado pelo laboratório.

“Estes animais são topo de cadeia e trazem informações super importantes sobre o ambiente, doenças, compostos químicos e contaminação química dos oceanos. Uma espécie de ampla migração como o mako é essencial para este tipo de análise”, disse a coordenadora ao portal G1.

Segundo Camila Domit, esta é uma espécie ameaçada pela atividade humana e pela degradação dos ecossistemas marinhos. “Ele depende de um ambiente conservado e de alta biodiversidade para que possa manter suas atividades vitais e sua qualidade de vida”, afirmou.