20.9 C
Lucas do Rio Verde
terça-feira, 15 junho, 2021
InícioMUNDOCriança é internada com ferimentos em hospital no ES, e polícia investiga...

Criança é internada com ferimentos em hospital no ES, e polícia investiga suspeita de violência

Por G1 ES

Com sinais de maus-tratos e violência, uma menina de 5 anos foi internada estado grave no Espírito Santo. Primeiro, ela foi levada para um pronto-socorro de Linhares, mas, com a gravidade do caso, precisou ser transferida para o Hospital São José, em Colatina. A criança apresentava sinais de abuso sexual, dentes quebrados, lesões semelhantes a mordidas no quadril e no braço esquerdo e olhos roxos. Até a última atualização desta reportagem, seu estado de saúde era grave e ela estava intubada.

A menina morava na Bahia, mas há um mês e 15 dias estava aos cuidados do pai e da madrasta em Linhares. Segundo a polícia, a mãe da menina não mora na cidade, mas está a caminho de Colatina para acompanhar a filha.


--Continua depois da publicidade--

O pai e a madrasta foram questionados pela polícia. A mulher afirmou que a menina estava inchada e que havia desmaiado após sofrer uma reação alérgica a um medicamento que tomou. Já o homem disse que estava trabalhando e que não sabia o que havia ocorrido.

O casal chegou a ser levado para a Delegacia Regional de Linhares, onde prestou depoimento. Eles foram liberados pelo delegado de plantão, que não encontrou indícios de que foram responsáveis pelas agressões.

Início da investigação

 

A investigação do caso teve início na noite desta segunda-feira (24), quando a menina deu entrada em estado grave em uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Linhares. Ao constatarem os sinais de agressão, os médicos acionaram um representante do Conselho Tutelar, que foi quem decidiu chamar a Polícia Militar (PM).


--Continua depois da publicidade--

De acordo com as informações do boletim de ocorrência registrado pela PM, os médicos confirmaram as agressões que a menina apresentava aos agentes.

O delegado Fabrício Lucindo, chefe da Delegacia Regional de Linhares, confirmou que a criança foi vítima de violência e disse que o casal sustentou a versão da alergia da criança à medicação.

“Há registro com certeza de agressões. Só que o nosso delegado plantonista não encontrou indícios de que sejam o pai e a madrasta os autores dessa agressão. Se encontrarmos ao longo dessa semana esses indícios, vamos pedir a prisão deles com certeza”, disse o delegado.

Ainda segundo Lucindo, o casal deverá ficar à disposição da polícia e não poderá sair de Linhares nos próximos dias.

Nesta terça (25), um perito de Colatina fará exames detalhados na criança, a fim de comprovar, inclusive, a suspeita de abuso sexual.

A Prefeitura de Linhares informou que caso será acompanhado por uma equipe multidisciplinar da Secretaria de Assistência Social e pelo Conselho Tutelar.

Ainda de acordo com o município, outras informações não serão repassadas para preservar a identidade da criança.

Os nomes dos envolvidos não foram divulgados e o caso está em segredo de Justiça.


--Continua depois da publicidade--

Rebeca Moraeshttps://www.cenariomt.com.br
Redatora do portal CenárioMT, escreve diariamente as principais notícias que movimentam o cotidiano das cidades de Mato Grosso.
- Publicidade -

Últimas no CenárioMT

Lucas do Rio Verde

INFRAESTRUTURA
Lucas do Rio Verde: “Projeto vem dar mais dignidade aos nossos caminhoneiros”, diz Albieri
junho 15, 2021
Lucas do Rio Verde
Concurso cultural junino premiará poesias, fotos e desenhos em Lucas do Rio Verde
junho 14, 2021