22.4 C
Lucas do Rio Verde
terça-feira, 17 maio, 2022
Publicidade
InícioMundo animalExcesso de carga em carroça faz cavalo ficar pendurado; VÍDEO

Excesso de carga em carroça faz cavalo ficar pendurado; VÍDEO

CenarioMT

Um cavalo ficou pendurado pelo fato de a carroça que estava puxando empinar por conta do excesso de peso.

Um morador de Juazeiro do Norte, no Ceará (CE), filmou o caso de maus-tratos contra o cavalo, na última sexta-feira (06).


--Continua depois da publicidade--

Não suportando o peso da carga, o cavalo ficou totalmente pendurado na parte dianteira do equipamento. Segundo o morador que fez o registro, ele estava a caminho do trabalho quando viu a cena e resolveu gravar.

Segundo a coordenadora do Centro de Zoonoses de Juazeiro do Norte, Eliziane Lucena, o responsável pelo animal ainda não foi localizado. Em um balanço realizado pelo órgão, entre abril de 2021 e mesmo mês de 2022, 55 animais de grande porte foram resgatados, vítimas de abandono ou maus-tratos.

A maioria, após tratamento, segue para adoção responsável, onde também há acompanhamento. Mas, nas estatísticas também há registro de animais que morreram pela gravidade dos ferimentos ou doenças.


--Continua depois da publicidade--

O Cavalo

cavalo (Equus ferus caballus) é uma das duas subespécies existentes de Equus ferus. É um mamífero perissodáctilo pertencente à família taxonômica Equidae.

O cavalo evoluiu há entre 45 milhões a 55 milhões de anos, desde uma pequena criatura com vários dedos, o Eohippus, até o animal grande e com um único dedo de hoje.

Os seres humanos começaram a domesticar cavalos por volta de 4000 a.C. e acredita-se que sua domesticação tenha sido disseminada em 3000 a.C. Os cavalos da subespécie caballus são domesticados, embora algumas populações domesticadas vivam na natureza como cavalos selvagens.

Essas populações selvagens não são verdadeiros cavalos “selvagens”, pois esse termo é usado para descrever cavalos que nunca foram domesticados, como o cavalo de Przewalski, uma espécie em perigo de extinção, uma subespécie separada e o único verdadeiro cavalo selvagem restante na natureza.

Existe um vocabulário extenso e especializado usado para descrever conceitos relacionados a equinos, cobrindo de tudo, desde anatomia a estágios da vida, tamanho, cores, marcações, raças, locomoção e comportamento.

Os cavalos são adaptados para correr, permitindo que eles escapem rapidamente dos predadores, possuindo um excelente senso de equilíbrio e uma forte resposta de luta ou fuga. Relacionada a essa necessidade de fugir dos predadores na natureza, há uma característica incomum: os cavalos são capazes de dormir de pé e deitados, sendo que os mais jovens tendem a dormir significativamente mais do que os adultos.

As fêmeas, chamadas éguas, carregam seus filhotes por aproximadamente 11 meses e um cavalo jovem, chamado potro, pode ficar de pé e correr logo após nascer. A maioria dos cavalos domesticados começa a treinar em uma sela ou em um arreio entre as idades de dois e quatro anos. Eles atingem o desenvolvimento adulto completo aos cinco anos de idade e têm uma vida útil média entre 25 e 30 anos.

Cavalos e humanos interagem em uma ampla variedade de competições esportivas e atividades recreativas não competitivas, bem como em atividades de trabalho, como trabalho policial, agricultura, entretenimento e terapia
Foto- Lenito Abreu


--Continua depois da publicidade--

As raças de cavalos são fracamente divididas em três categorias baseadas no temperamento geral: “sangue quente”, que são velozes e resistentes; “sangue frio”, como cavalos de tração e alguns pôneis, adequados para trabalhos lentos e pesados; e “sangue morno”, desenvolvido a partir de cruzamentos entre sangue quente e sangue frio, muitas vezes focando na criação de raças para fins específicos de hipismo, principalmente na Europa. Existem mais de 300 raças de cavalos no mundo de hoje, desenvolvidas para diversos usos.

Cavalos e humanos interagem em uma ampla variedade de competições esportivas e atividades recreativas não competitivas, bem como em atividades de trabalho, como trabalho policial, agricultura, entretenimento e terapia. Os cavalos eram historicamente usados na guerra, a partir da qual uma grande variedade de técnicas de hipismo e direção se desenvolveu, usando muitos estilos diferentes de equipamentos e métodos de controle. Muitos produtos são derivados de cavalos, como carne, leite, pele, cabelos, ossos e produtos farmacêuticos extraídos da urina de éguas grávidas. Os seres humanos fornecem aos cavalos domesticados comida, água e abrigo, além da atenção de especialistas como veterinários e ferradores.

Se você gostou deste post: Sucuri atacou perna de pescador?; Assista – vai gostar também de ler esta notícia: Cobra sucuri invade barco e assusta pescadores

Siga-nos no Facebook e Twitter para se manter informado com as notícias de hoje!


--Continua depois da publicidade--

Encontre mais notícias do Mundo Animal 

João Ricardohttps://www.cenariomt.com.br
Possui experiência em produção textual e, atualmente, dedica-se à redação do CenárioMT produzindo conteúdo sobre a região norte de Mato Grosso.

Publicidade


Publicidade

Lucas do Rio Verde

Lucas do Rio Verde
Poda de árvores visa melhorar a iluminação pública em Lucas do Rio Verde
maio 17, 2022
SEGURANÇA PÚBLICA
Lucas do Rio Verde: Vereador acredita ser possível instalar posto policial para atender comunidades rurais
maio 17, 2022
Lucas do Rio Verde
Prefeitura de Lucas do Rio Verde inicia reforma para reativar PSF de Itambiquara
maio 17, 2022
Lucas do Rio Verde
Lucas do Rio Verde marca presença no 22º Encontro Regional do Congemas
maio 17, 2022