Para dar vazão ao projeto, uma comissão de trabalho foi criada na manhã de ontem(23). O encontro reuniu os secretários municipais Jucélia Ferro (Assistência Social), Júnior Brandão (Esporte e Lazer), Estevam Calvo (Administração); o secretário-adjunto da Secretaria de Segurança Pública, Trânsito e Defesa Civil, Emiliano Preima; o chefe de gabinete, Antônio Mazzei; a vereadora Jane Delalibera; o delegado de Polícia Civil de Sorriso, Márcio Henrique Almeida Portela; representantes de entidades religiosas e profissionais das secretarias de Assistência Social, Saúde e Saneamento e Esporte e Lazer.

“Essa campanha partiu do promotor de Justiça, Dr. Márcio Florestan e os poderes Executivo e Legislativo abraçaram a ideia. Hoje criamos uma comissão de trabalho, trazendo a sociedade para nos auxiliar nesse projeto”, explica Jucélia.

Segundo a secretária, as nutricionistas da Semas e da Vigilância Sanitária farão a triagem e higienização dos alimentos doados. A distribuição para as famílias cadastradas será feita, em dias programados, nos Centros de Referência de Assistência Social (CRAS), no Centro de Múltiplo Uso do bairro Santa Maria e no Pavilhão Comunitário do Residencial Mário Raiter.

A sociedade civil organizada também pode fazer a doação de alimentos, no ponto de coleta  disponibilizado no Centro de Convivência da Terceira Idade (CCI). “A partir de hoje, todos que quiserem podem deixar suas doações no CCI. Lá terá uma equipe para fazer a seleção e separação adequada dos alimentos”, complementa.

De acordo com o delegado Márcio, uma crise econômica, de um modo geral, gera reflexos na segurança pública. “A polícia civil está apoiando este projeto, que visa prevenir um possível agravamento no sistema em relação à Covid-19 e sua possível repercussão na segurança pública”, diz.

Para a vereadora Jane, a campanha irá assistir aos mais necessitados neste momento.

“Precisamos nos organizar e fazer algo de imediato para ajudar as pessoas que estão passando necessidades, pois o cenário não é nada bom. Se cada município se organizar e contar poder contar com a ajuda da sociedade, conseguiremos atender a quem precisa”, conclui.