Sinop comemora hoje 46 anos de fundação

Já foi publicado edital de concessão de 138,4 km da MT 220, com previsão de R$ 267 milhões em investimentos; Hospital Regional recebeu 19 novos leitos de UTI e está sendo ampliado; uma nova escola está sendo construída e várias outras estão em reforma. Repasses financeiros estão em dia

0
Sinop comemora seus 46 anos de fundação nesta segunda-feira (14.09). - Foto por: Prefeitura de Sinop

Sinop comemora seus 46 anos de fundação nesta segunda-feira (14.09).

A cidade do nortão de Mato Grosso tem a quarta maior população do estado, com 146.005 habitantes.


-Continua depois da publicidade ©-

O Governo do Estado marca presença no município, com obras de infraestrutura, saúde e educação, além de repasses financeiros e de medicamentos para contribuir no combate à pandemia do coronavírus.

Foi publicado o edital de  concessão, para a iniciativa privada, de um trecho de 138,4 quilômetros da MT 220, ligando o município a Tabaporã. A previsão é de um investimento de R$ 267 milhões em obras de recuperação e manutenção da rodovia.

Também está finalizada a construção da ponte sobre o Rio Verde, com extensão de 180,75 metros, na MT-222, em direção a Ipiranga do Norte, e está em elaboração o projeto de pavimentação de 106 quilômetros da MT-010/222, entre Sinop e o Povoado Simione, no entroncamento com a MT-338.

O Hospital Regional de Sinop, referência para outros 14 municípios da região que abrigam 430 mil pessoas, passa por ampliação e reforma. Foram investidos R$ 1,5 milhão. A unidade conta com 29 leitos de Unidade de Terapia Intensa (UTI) para tratamento de pacientes com Covid-19, dos quais 19 foram abertos para enfrentamento da pandemia.

Por meio da Secretaria de Estado de Saúde, o Governo do Estado enviou ao município 12.150 testes rápidos para detecção do coronavírus, além de medicamentos para o seu combate, num total de 523.365 comprimidos, entre azitromicina (64.348), ivermectina (51.479) e dipirona (407.538), também distribuído em gotas, somando 10.010 frascos.

Na área educacional, está sendo construída uma nova escola com 18 salas de saula e quadra poliesportiva no Jardim das Orquídeas. A previsão de entregue é para o primeiro semestre do próximo ano, com investimento de R$ 5,4 milhões, entre recursos estaduais e federais.

Também estão sendo reformadas as escolas Nossa Senhora de Lourdes e Nossa Senhora da Glória, o Centro de Educação de Jovens e Adultos (Ceja) e Centro de  Formação e Atualização dos Profissionais da Educação Básica de Mato Grosso (Cefapro).

Em repasses financeiros, o município recebeu neste ano de 2020 (até maio) R$ 41,9 milhões referentes a ICMS, IPVA e Fethab, além de outros R$ 8,85 milhões em assistência social, transporte escolar, convênios na área de saúde e emendas parlamentares, entre 2019 e maio deste ano.

Economia

Segundo o IBGE, o PIB (Produto Interno Bruto) sinopense, cuja população cresceu 29% na última década (eram 113.099 habitantes em 2010), foi o quinto maior de Mato Grosso em 2017, somando R$ 5,626 bilhões, com o setor de serviços respondendo por 58,46% deste total,com R$ 3,289 bilhões. O PIB per capita é de R$ 41.408,12.

Grande produtor de milho – foi o décimo do ranking estadual em 2018,com 648 mil toneladas, avaliadas em R$ 248,28 milhões – o município conta com uma planta de etanol deste grão, além quatro outras agroindústrias (três frigoríficos e  uma ração animal) e três distribuidoras de insumos agrícolas. Estes dados constam no Observatório do Desenvolvimento, da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico de Mato Grosso (Sedec-MT).

Mesmo figurando na 23ª colocação do ranking estadual dos municípios produtores de soja, Sinop colheu nem 2018, segundo o IBGE, 515 mil toneladas, avaliadas R$ 454,78 milhões.

É o primeiro do Estado na produção de mamão, com 1,5 mil tonelada; segundo na produção de banana (8 mil) e goiaba (60) e terceiro na produção de tangerina (105).

Também produziu neste mesmo ano (em toneladas) algodão (16,9 mil), arroz (12,7 mil), feijão, laranja, limão, mandioca, maracujá, melancia, sorgo e abacaxi.

O rebanho bovino sinopense é composto por 55,4 mil cabeças, com 2,9 mil vacas ordenhadas; enquanto o rebanho galináceo conta com 2,16 milhões de cabeças, das quais 674,9 mil galinhas, com12,72 milhões de ovos.

História

Sinop, cujo nome é formado pela sigla da empresa responsável por projetar a cidade (Sociedade Imobiliária Noroeste do Paraná), foi fundada em 1974 em clima de festa, com a presença de várias autoridades.

Seus primeiros habitantes, os pioneiros, vieram em sua maioria dos estados do Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul, começando a chegar na região nos anos de 1972/73.

Em 1976, foi elevada à categoria de distrito, então pertencente à Chapada dos Guimarães, de cuja sede está distante mais de 500 quilômetros.

Três anos depois, em 1979, tornou-se município, enquanto em 1982 foi eleito o primeiro prefeito pelo voto popular.

(Colaboraram com informações: Karine Miranda, da Sinfra, Fernanda Nazário, da SES; e Thielli Bairros, da Sedec)

 

Leia também: Resultado das loterias de hoje (21/09/2020)


Amazonia 03 de Junho