Profissionais da enfermagem pedem respeito a isolamento e fazem homenagem a colegas que morreram por Covid em MT

0
Foto: Arquivo pessoal

Profissionais da enfermagem realizaram, na noite dessa sexta-feira (31), um manifesto em favor da vida. O movimento foi na Avenida Lions Internacional, uma das mais movimentadas em Rondonópolis, a 218 km de Cuiabá.

Em uma ação silenciosa, os profissionais pediram mais respeito da população para as regras sanitárias impostas nessa pandemia para evitar novas contaminações e vítimas do novo coronavírus.

Faixas com apelo por mais respeito e responsabilidade foram expostas.

Em Mato Grosso, do início da pandemia até julho, a Covid-19 já matou 25 profissionais de saúde. Entre as vítimas, três eram de Rondonópolis e atuavam na linha de frente do combate ao vírus.

De acordo com Vinícius Bergamo, conselheiro do Coren do município, o pedido por mais respeito às regras sanitárias é justamente pra evitar que esse número aumente ainda mais.

“Isso é um clamor para a sociedade”, afirma.

As 25 vítimas da saúde foram homenageadas uma a uma, e a cada nome lembrado, um balão preto era solto.

Os três profissionais de Rondonópolis que perderam a batalha para a Covid-19, os técnicos de enfermagem Regina Lira, de 44 anos, Dirce de Oliveira Souza, de 45, e Luiz Carlos de Souza Weber, de 50 anos, foram homenageados com a soltura de balões em formato de coração.

Balões brancos também foram soltos pra lembrar que a vida continua para os que ficam, assim como a batalha contra o vírus.

A Secretaria Estadual de Saúde (SES) notificou, até sexta-feira (31), 52.078 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, sendo registrados 1.842 mortes em decorrência do coronavírus no estado.

Leia também: Previsões para o horóscopo do dia de hoje (05/08/2020)


Amazonia 03 de Junho