11.4 C
Lucas do Rio Verde
quinta-feira, 19 maio, 2022
Publicidade
InícioMATO GROSSOLUCAS DO RIO VERDEPolícia Militar localiza corpo de vítima que teve cabeça jogada em meio...

Polícia Militar localiza corpo de vítima que teve cabeça jogada em meio a rua

As investigações aponta para facção criminosa, a responsabilidade pelo crime, bem como de outros ocorridos no últimos dias em Lucas do Rio Verde
CenárioMT

A Polícia Militar (13º BPM) de Lucas do Rio Verde confirmou a localização do corpo da vitima, que teve a cabeça arrancada e jogada em meio a rua, na noite de ontem, terça-feira (25) no bairro Veneza.

Conforme noticiando anteriormente pelo CenárioMT, a cabeça foi jogada dentro de um saco plástico, no cruzamento das Avenidas Goiás com a Avenida Roma. Populares encontraram o membro por volta das 22h00.

Já os restos mortais da vítima (aparentando ser um jovem de aproximadamente 19 anos) foi localizado as margens do Rio Piranhas, a cerca de 15 km do centro de Lucas do Rio Verde.

O local é conhecido pela polícia, pois há relatos de que muitos jovens são levados por membros de facção para serem executados ou serem torturados.

“Aqui já é um local bastante conhecido para esse tipo de crime. Esse pessoal de facção criminosa que quer sequestrar ou torturar alguém, acaba trazendo para essa região do Rio Piranha, que é uma região erma. Hoje pela manhã, ao assumirmos o plantão, resolvemos fazer uma checagem no local e vimos uma grande mancha de sangue no chão e ao verificarmos, encontramos o corpo dentro do rio submerso”, destacou o Tenente PM Cezar Peixoto.

De acordo com a Polícia Militar, muitos jovens foram mortos nos últimos dias em Lucas do Rio Verde, enquanto que outros sofreram tentativa de homicídio.

“Dificilmente o cidadão de bem, que não tem passagens, tem uma morte dessas. Tudo leva a crer que seja briga de facções criminosas. Temos notado também que a maioria das vítimas são menores de idade, normalmente aquele ‘cabriteiros’ que fazem a venda final de drogas”, acrescentou o oficial da PM.

A Polícia Judiciária Civil de forma integrada com a Polícia Militar, está trabalhando para elucidar os últimos crimes corridos, tendo como as principais vítimas, jovens e adolescentes.

De acordo com o investigador João Cleberson, esse último crime chama a atenção pela forma violenta que a vítima foi exposta ao ter a cabeça decepada.

“O que demonstra uma ousadia por parte desses criminosos, porém, estamos com as investigações bastante avançadas. A Polícia tem colhido bastante informações sobre esses homicídios que vem acontecendo, inclusive com autoria identificada e nos próximos dias teremos uma resposta para a sociedade”, argumento o investigador.

Ainda de acordo com o investigador, os criminosos extrapolaram os limites ao cortar a cabeça do jovem e jogar em meio a rua.

“Aquele local no bairro Veneza é conhecido por ‘pista’ onde são vendidas drogas. Porém, a polícia não vai admitir que crimes de homicídios continuem acontecendo, pois isso acaba trazendo medo e pavor para a sociedade”, concluiu o policial.

João Ricardohttps://www.cenariomt.com.br
Possui experiência em produção textual e, atualmente, dedica-se à redação do CenárioMT produzindo conteúdo sobre a região norte de Mato Grosso.

Publicidade


Publicidade

Lucas do Rio Verde

Lucas do Rio Verde
Trânsito inicia intervenções em travessias de escolas em Lucas do Rio Verde
maio 18, 2022
Lucas do Rio Verde
Saúde alerta baixa procura na vacinação contra gripe e sarampo por parte dos grupos prioritários
maio 18, 2022
Lucas do Rio Verde
Programa Criança Feliz de Lucas do Rio Verde leva alegria para famílias no mês das mães
maio 18, 2022
Lucas do Rio Verde
Atletas luverdenses integram equipe campeã em torneio nacional de vôlei
maio 18, 2022