31.5 C
Lucas do Rio Verde
domingo, 01 agosto, 2021
InícioCENÁRIO AGROPolícia Militar de MT promove aumento da segurança no campo com placas...

Polícia Militar de MT promove aumento da segurança no campo com placas georreferenciadas

Caso a PM seja acionada, com a sua identificação, os policiais já têm todo perfil do imóvel e das pessoas que circulam no local
Por Redação CenárioMT

Mais de mil moradores estão sendo assistidos na região Sudeste  do Estado pela Patrulha Rural Georreferenciada. As instalações das placas nas propriedades rurais estão em pleno vapor. A iniciativa que começou em 2014 como patrulhamento rural, agora está associada a tecnologia e já contempla 200 propriedades rurais entre fazendas, sítios e chácaras.

Na prática, as propriedades são cadastradas, as localizações georreferenciadas, os moradores registrados, assim como funcionários, se houver, maquinários, veículos, entre outros. Tudo fica em uma banco de dados e é gerado um número de identificação junto a 14ª Companhia de Força Tática. Na entrada da propriedade, é disponibilizada uma placa que identifica que o local é monitorado. Caso a PM seja acionada, com a sua identificação, os policiais já têm todo perfil do imóvel e das pessoas que circulam no local.

O coordenador operacional da Patrulha Rural, tenente João Felipe Queiroz de Melo, explica que o banco de dados facilita na resposta e elimina qualquer tipo de dificuldade de encontrar o endereço.

“Assim que acionados, já vamos direto ao local com mais rapidez, sabendo quem são os moradores e a identificação dos bens. Se for uma fazenda de soja, por exemplo, a possibilidade do crime estar sendo praticado por uma quadrilha é maior e o planejamento precisar ser estudado para atender a ocorrência”.

Referente à abrangência dos trabalhos, o coordenador destaca  que o trabalho de policiamento rural é de proximidade e depende de vários fatores. Como tamanho da propriedade e o diálogo com os moradores. “Nosso objetivo é intensificar os trabalhos e atender a todos os interessados a longo prazo”.

Tenente Melo ressalta que qualquer produtor pode fazer parte do grupo de conversa. O morador observando uma situação suspeita ou um caso de emergência passa a localização que a PM vai chegar da mesma forma.

“O georreferenciamento agiliza esse processo e será uma realidade num futuro próximo para toda região”, pontua.

Um dos exemplos de satisfação é da moradora da Comunidade Aldeinha, próximo do Assentamento Chico Mendes, Vanise Paula Sodré de Oliveira Moraes. Ela conta da tranquilidade que sente em viver na região depois do patrulhamento rural e agora com o georreferenciamento. “Hoje, eu e minha família sentimos segurança na nossa propriedade. Em duas situações roubo em andamento, a resposta dos policiais foi rápida e satisfatória. A Polícia Militar está de parabéns pelo trabalho”.

Vanise é diretora da Escola 14 de Agosto e atende alunos de 18 comunidades da região, além das cidades de Juscimeira e Poxoréu. “Com o patrulhamento rural, nossas crianças circulam sem medo. Os policiais estão sempre próximos e interagindo com os professores, pais e alunos. Quero reforçar que a iniciativa continue e fortaleça cada vez mais. Sabemos que o projeto está no começo e vai estender a outras comunidades ”, destaca

Sobre a Patrulha Rural

Para garantir a segurança no campo, a Polícia Militar implantou, em 2014, a Patrulha Rural com policiamento especializado voltados a trechos de plantações, locais de difícil acesso, chácaras, comunidades rurais, fazendas e áreas ribeirinhas.

Com os policiais patrulhando essas áreas, a PM vem frustrando tentativas de roubo, furto, sequestros, latrocínios e recuperando cargas de grãos, defensivos agrícolas, equipamentos, gado e fertilizantes que são comercializados de forma clandestina no mercado ilegal.

Quadrilhas especializadas em roubos e furtos de grãos, gado e defensivos agrícolas foram desarticuladas e seus integrantes presos em flagrante. Com a repressão da criminalidade no campo, o Comando Geral da PM vem capacitando os policias e expandido o atendimento da Patrulha Rural para todos os  Comandos Regionais da PMMT.

Com a pandemia da Covid-19, o setor de produção agrícola ficou ainda mais vulnerável e não pode parar. Diante disso, os policiais do patrulhamento rural também não pararam e estão capacitando mais agentes para atuar no interior do estado. A frente de todo esse processo de inovação e sempre buscando novos conhecimentos e aprimoramento estão os oficiais, o comandante do 4º CR coronel Wilker Soares Sodré e o comandante do 5º BPM tenente-coronel Gleber Cândido Moreno.

 

© CenárioMThttps://www.cenariomt.com.br
CenárioMT - Publicamos notícias diariamente no portal!
- Publicidade -

Lucas do Rio Verde

Lucas do Rio Verde
Lucas do Rio Verde adere campanha “Agosto Dourado” em incentivo ao aleitamento materno
agosto 01, 2021
33 anos
Prefeitura anuncia ações voltadas para o aniversário de Lucas do Rio Verde
agosto 01, 2021