Parque Tecnológico recruta empresas brasileiras para participarem de feira virtual na China

A China Hi-Tech Fair (CHTF) é uma das feiras internacionais de tecnologia mais influentes do mundo e neste ano o evento também será em formato on-line

0
A China Hi-Tech Fair (CHTF) é uma das feiras internacionais de tecnologia mais influentes do mundo - Foto por: Divulgação

A Secretaria de Estado de Ciência, Tecnologia e Inovação (Seciteci), por meio do Parque Tecnológico Mato Grosso, apoiará o evento China Hi-Tech Fair (CHTF), recrutando empresas brasileiras de tecnologia para participarem da feira, que será realizada entre os dias 11 a 15 de novembro. A Secretaria de Desenvolvimento Econômico do Estado (Sedec) também é parceira da ação.

A CHTF é uma das feiras internacionais de tecnologia mais influentes do mundo. Este ano o evento será nos formatos presencial, realizado no Centro de Convenções e Exposições na cidade chinesa Shenzhen, e pela primeira vez em formato virtual para participantes de outras localidades.


-Continua depois da publicidade ©-

Segundo o secretário da Seciteci, Nilton Borgato, o encontro será uma excelente oportunidade para as empresas brasileiras serem apresentadas ao maior mercado de tecnologia do mundo, a China.

“A China integra o centro de transações, realizações e exibições de produtos do mundo. Além disso, promove fóruns de alto nível sobre ambientes de inovação, atraindo projetos de milhares de empresas brasileiras. O formato virtual permitirá uma participação mais global, com intercâmbio de conteúdo e conhecimento”, diz ele.

De acordo com a superintendente de Desenvolvimento Científico, Tecnológico e de Inovação da Seciteci, Lectícia Figueiredo, como a participação de outros países será somente de forma virtual, as empresas brasileiras que quiserem se inscrever deverão preencher o formulário disponível no site do Parque Tecnológico até o dia 25 de julho.

“Desta vez, por conta da pandemia, foi criado o encontro em formato virtual para fomentar a participação de pessoas do mundo inteiro. No Brasil, a Seciteci que vai recrutar empresas, além de realizar as inscrições e dar o suporte necessário”, explica.

Rogério Nunes, coordenador do Parque Tecnológico de Mato Grosso, explica que existem muitas empresas brasileiras com potencial tecnológico e a ideia é facilitar o encontro de empreendedores brasileiros com outras potências mundiais, participantes do evento.

“A China se destaca mundialmente em termos de tecnologias e na criação de produtos avançados para diversas áreas, por isso temos muito a aprender com eles. Neste contexto, o Parque Tecnológico vai atuar como um elo de integração entre brasileiros e organizadores da feira, além de empresários de diversas partes do mundo, tudo virtualmente”, esclarece.

As incrições podem ser feitas AQUI até o dia 25 de julho.

China Hi-Tech Fair

A feira é organizada em conjunto pelo Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação, Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços, Comissão Nacional de Desenvolvimento e Reforma, Ministério da Agricultura e Assuntos Rurais, Administração Nacional da Propriedade Intelectual, Academia de Ciências da China, Academia Chinesa de Engenharia e Governo Popular Municipal de Shenzhen.

O sistema de participação virtual foi implantado este ano em virtude da pandemia da Covid-19. Este formato incentivará as empresas a exibirem virtualmente suas tecnologias e produtos por meio de comunicação instantânea com o público profissional no local.

Ao mesmo tempo, membros de delegação que estiveram na China poderão comparecer à feira para ajudar as empresas a fazerem contato com clientes e outros expositores.

Leia também: Resultado das loterias de hoje (19/09/2020)


Amazonia 03 de Junho