9.1 C
Lucas do Rio Verde
quinta-feira, 19 maio, 2022
Publicidade
InícioCENÁRIO POLÍTICOGOV-MTNúmero de homicídios reduz em 21% na Capital de Mato Grosso

Número de homicídios reduz em 21% na Capital de Mato Grosso

Número de homicídios reduz em 21% na Capital
REDAÇÃO CENÁRIOMT

Nos doze meses de 2018, a Capital de Mato Grosso reduziu 21% os crimes de homicídio e 27% em roubo. A queda é medida em comparação com o mesmo período de 2017. No ano passado, foram contabilizados 114 homicídios, enquanto no mesmo período de 2017 somaram 145 ocorrências. Já o número de roubos, em Cuiabá, de janeiro a dezembro de 2018, foram 5.167 casos. No mesmo período de 2017, o montante totalizou 7.090 roubos.

Os dados são da Coordenadoria de Estatística e Análise Criminal (Ceac), da Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp). Outras reduções foram registradas em tráfico e uso de drogas (-34%), furto de veículos (-16%) e roubo de veículos (-2%).

Em 2018, somaram 1.136 casos de tráfico e uso de drogas. Em 2017, foram 1.731. Nos crimes de furto de veículos, a Capital registrou 778 ocorrências nos 12 meses do ano passado. Em 2017, foram 926. Em roubo de veículos, a redução foi de 1.196, em 2017, para 1.167, no ano passado.

Diante dos números alcançados pelas forças de segurança pública, o delegado geral da Polícia Judiciária Civil (PJC), Mário Dermeval Aravechia de Resende, disse que as reduções foram expressivas e que o objetivo é continuar trabalhando no enfrentamento à criminalidade com investigações efetivas em qualquer que for o delito criminal.

“O foco é que mantenhamos o mesmo potencial que a Polícia Civil vem despendendo em relação ao combate ao crime, buscando a melhoria na parte estrutural para que os policiais tenham condições de agir de maneira forte contra o crime. Investiremos bastante na área de inteligência e buscaremos o aparelhamento da instituição no interior do Estado”, destacou.

O município de Várzea Grande também registrou reduções em roubo (-30%), roubo de veículos (-20%) e tráfico e uso de drogas (-27%). Em 2018, foram 2.460 ocorrências de roubos. No mesmo período de 2017, somaram 3.495 casos. Também em 2018 foram roubados 452 veículos e, em 2017, no mesmo período, foram 564. Nos doze meses de 2018 foram 658 casos de tráfico e uso de drogas e, em 2017, foram 900.

Na contramão das reduções, os crimes de homicídio, em Várzea Grande, cresceram 23% e o de furto de veículos 7%. De janeiro a dezembro de 2018, foram 80 homicídios. Em 2017, foram 65. Já em 2018, foram 328 veículos furtados e, em 2017, foram 306.

Para o enfrentamento às ações criminais, o comandante-geral da Polícia Militar, coronel Jonildo José de Assis, disse que a tropa terá como foco as operações ostensivas. “Vamos colocar a polícia nas ruas para realizar barreiras, blitzes e checagens. Faremos um levantamento de onde a criminalidade mais acontece e vamos agir com força para continuar garantindo reduções nos índices”, destacou.

São unidades das forças de segurança do Estado: Polícia Militar (PM), Polícia Judiciária Civil (PJC), Corpo de Bombeiros Militar (CBM), Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec) e Departamento Estadual de Trânsito (Detran).

Rebeca Moraeshttps://www.cenariomt.com.br
Redatora do portal CenárioMT, escreve diariamente as principais notícias que movimentam o cotidiano das cidades de Mato Grosso.

Publicidade


Publicidade

Lucas do Rio Verde

Lucas do Rio Verde
Trânsito inicia intervenções em travessias de escolas em Lucas do Rio Verde
maio 18, 2022
Lucas do Rio Verde
Saúde alerta baixa procura na vacinação contra gripe e sarampo por parte dos grupos prioritários
maio 18, 2022
Lucas do Rio Verde
Programa Criança Feliz de Lucas do Rio Verde leva alegria para famílias no mês das mães
maio 18, 2022
Lucas do Rio Verde
Atletas luverdenses integram equipe campeã em torneio nacional de vôlei
maio 18, 2022