20.7 C
Lucas do Rio Verde
sexta-feira, 05 março, 2021
Início MATO GROSSO Motorista é indiciado após atropelar e matar motociclista que teve corpo arremessado...

Motorista é indiciado após atropelar e matar motociclista que teve corpo arremessado para a carroceria de caminhonete em Cuiabá

Por CENÁRIOMT COM INF. G1MT

O motorista da caminhonete que teria atropelado e matado o motociclista Fábio Pereira Andrade, de 40 anos, será indiciado pela Polícia Civil pelos crimes de homicídio doloso previsto no Código Penal e omissão de socorro, fuga de local de crime e embriaguez ao volante, do Código de Trânsito Brasileiro. O inquérito policial será remetido à Justiça ainda nesta sexta-feira (12). O acidente foi registrado no último sábado (6), quando o motorista atropelou Fábio e foragiu do local com o corpo da vítima preso ao veículo.

O acidente envolvendo a caminhonete, conduzida pelo suspeito, e uma motocicleta ocorreu no bairro Tijucal, em Cuiabá. Conforme a análise do local de acidente e a oitiva de testemunhas, o condutor da caminhonete, ao fazer uma conversão para esquerda, invadiu a faixa de circulação da motocicleta causando uma colisão frontal entre os veículos.

Imagens de câmeras de segurança mostram o momento em que o motociclista que morreu atropelado no sábado (6), na Avenida Doutor Meirelles, no Bairro Jardim dos Ipês, em Cuiabá, Fábio Pereira Andrade, de 40 anos, foi atropelado e o corpo cai na carroceria da caminhonete que o atropelou.

O motorista fugiu do local, porém, em decorrência da colisão, o corpo da vítima foi arremessado e ficou preso na parte superior da camionete que foi conduzido pelas ruas dos bairros adjacentes.

Algum tempo depois, o suspeito retornou próximo ao local do acidente com o corpo da vítima que já estava na carroceria da caminhonete, ocasião em que foi detido pela Polícia Militar. O motorista foi conduzido à Central de Flagrantes de Cuiabá, onde se negou a fazer o teste de alcoolemia sob alegação de que não produziria provas contra si mesmo.

Ele foi autuado em flagrante pelos crimes de homicídio culposo na direção de veículo e omissão de socorro, previstos no Código de Trânsito Brasileiro. O procedimento foi encaminhado para Deletran, onde foi instaurado inquérito policial e com base nas novas provas coletadas foi realizado o indiciamento do suspeito de homicídio doloso, previsto no artigo 121 do Código Penal, além dos crimes de omissão de socorro, fuga de local de crime e embriaguez ao volante.

O delegado da Deletran, Christian Alessandro Cabral, afirmou que devido às condições apresentadas no acidente, o suspeito assumiu o risco de produzir o resultado de morte da vítima. “Desta forma, o indiciamento foi alterado de homicídio culposo no trânsito, previsto no CTB, para o homicídio doloso, cuja pena pode variar de 6 a 20 anos, além das demais condutas ilícitas praticadas pelo suspeito no momento dos fatos”, disse o delegado.



Dayelle Ribeirohttps://www.cenariomt.com.br
Redatora do portal CenárioMT
- Publicidade -

Últimas no CenárioMT

Lucas do Rio Verde

Lucas do Rio Verde
Empresa abre 150 vagas para operador de produção em Lucas do Rio Verde
março 04, 2021
PRINCÍPIO DE INCÊNDIO
Lucas: Curto circuito queima ar condicionado e provoca princípio de incêndio em comércio
março 04, 2021