18.5 C
Lucas do Rio Verde
sexta-feira, 14 maio, 2021
InícioMATO GROSSOLUCAS DO RIO VERDEProtagonista de ‘Oi Alice’ fala sobre expectativa para exibição do filme gravado...

Protagonista de ‘Oi Alice’ fala sobre expectativa para exibição do filme gravado em Lucas

Atriz Sonia Silva, diretora do grupo Cena Um, diz que elenco ficou emocionado ao ver a conclusão da produção que contou com participação do ator Iran Malfitano
Por Da Redação

“A princípio assusta, porque é novo pra Companhia, novo pra nosso elenco”. Com essas palavras, a protagonista do filme ‘Oi Alice, ninguém é mulher impunemente’, falou sobre como o elenco da Companhia de Teatro Cena Um reagiu às primeiras cenas do filme. Sonia Silva adiantou que os artistas de Lucas do Rio Verde ficaram emocionados com as primeiras cenas que assistiram. “É uma emoção muito grande, em saber que esse material, que foi produzido em nossa cidade, vai rodar o Brasil inteiro”.

A estreia do curta metragem, que traz Iran Malfitano, acontece com exibições nesta quinta (29) e sexta-feira (30). Serão quatro sessões que serão exibidas num telão que está sendo instalado no estacionamento do Estádio Passo das Emas. O público que for assistir às exibições terá que se ajustar às medidas adotadas como prevenção à covid-19. As sessões acontecerão no formato de cine drive, em que o público chegará de carro e assistirá ao curta sem sair do veículo.

“Vai ser um início e certamente vão vir outras ações como essa”, explicou o secretário Jackson Lopes, ao falar sobre a realização do formato de exibição, com toda a biossegurança ao público.

Ao formular a inscrição, a pessoa cadastra o veículo informando o número da placa, nome do condutor, número telefônico de contato e o número de pessoas que estarão no carro. O acesso ao estacionamento será pela Avenida Goiás. O controle de fluxo será feito pela Guarda Municipal. “Que a gente possa fazer um evento seguro também para o trânsito”, informou o secretário.

O filme

Para a diretora da Cia Cena Um, desenvolver o projeto foi um marco para o grupo que ao longo da existência da Companhia produziu e apresentou apenas espetáculos cênicos. “Foi uma experiência fantástica e o público pode esperar o melhor do momento nosso”, prometeu Sônia, que no dia a dia tem sido chamada pelo nome da personagem principal do filme. “Pois é, estão me chamando de Alice”.

Sonia Silva fez questão de destacar a qualidade do pessoal envolvido na produção e gravação do filme. Profissionais como Douglas Ancine, que assina a direção geral. “Tivemos grandes nomes pra compor esse material. Então, de fato é um marco pra história da cultura de Lucas do Rio Verde”, comemora.

Sequência

Sobre eventual sequência nas gravações, Sonia disse que por ser um curta metragem, ‘Oi Alice’ não conseguiu aprofundar na temática que trata de violência sofrida por mulheres. A protagonista cita o chamado ‘abuso narcisista’. A atriz lamenta que a sociedade não empodere a mulher, mas ao contrário, acaba julgando as mulheres vítimas de vários tipos de abuso. “Acho importante que toda a comunidade assista, principalmente as mulheres, pra que elas possam reconhecer o que é que narcisista, como acontece o abuso nesse contexto”, pontua.

“Por ser um curta metragem, o filme mostra só um pouquinho. A ideia é que haja uma continuação, com ‘Oi Alice 2’, pra que a gente possa terminar todo esse desfecho e falar um pouco mais sobre esse tipo de abuso”, destaca.


- Publicidade -

Últimas no CenárioMT

Lucas do Rio Verde

FERIADO MUNICIPAL
Missa na Igreja Matriz celebra Dia da Padroeira de Lucas do Rio Verde
maio 13, 2021
Geral
Rota do Oeste oferece sete vagas para contratação imediata em Lucas do Rio Verde
maio 12, 2021