Lucas do Rio Verde tem quatro escolas entre as 100 mais bem classificadas no Alfabetiza MT

Além disso, a cidade ainda tem o aluno com melhor desempenho em língua portuguesa na DRE Sinop

Fonte: CenarioMT

(Foto: Ascom Prefeitura/Anderson Lippi)
Escola localizada no bairro Cerrado está entre as 100 escolas mais bem avaliadas pelo Alfabetiza MT (Foto: Ascom Prefeitura/Anderson Lippi)

Quatro escolas de Lucas do Rio Verde foram premiadas no programa Alfabetiza MT, um reconhecimento que celebra o empenho e dedicação dos profissionais da educação e dos alunos da cidade. Para marcar este momento, a Secretaria de Educação realizou um evento na noite desta quinta-feira (13) no Auditório dos Pioneiros. Foi o momento de apresentar os índices alcançados por cada unidade escolar, em especial das escolas São Cristóvão, Luiz Carlos Ceconello, Menino Deus e Marcelino Dutra.

Durante a cerimônia, a Secretária de Educação, Elaine Benetti Lovatel, destacou a importância do trabalho coletivo e do replanejamento de ações que resultaram em conquistas significativas.

“Hoje estamos aqui junto com os professores que lecionaram em 2023 para turmas do segundo e do quinto ano, juntamente com suas equipes pedagógicas, para comemorar. Conseguimos colocar quatro unidades entre as cem melhores escolas do segundo ano no prêmio Alfabetiza Mato Grosso. É uma alegria enorme para toda a educação luverdense, pois retrata o reconhecimento de um trabalho feito com muita dedicação e zelo pelos nossos profissionais.”

Destaques coletivo e individual

Além do reconhecimento das escolas melhores avaliadas no Estado, Lucas do Rio Verde ainda celebrou uma conquista individual. De acordo com a secretária na premiação da terceira edição do prêmio Avalie MT, o estado de Mato Grosso vai reconhecer e premiar o melhor aluno de cada regional. E o melhor aluno em língua portuguesa na DRE de Sinop, a qual Lucas do Rio Verde está inserida e que envolve outros quinze municípios, é de Lucas do Rio Verde, de uma escola da rede municipal. “Estamos muito felizes, isso comprova que vale a pena investir e dedicar esforços para que nossos alunos sejam alfabetizados na idade certa”, ressaltou Lovatel.

WhatsApp Image 2024 06 14 at 08.39.36
Mateus Felipe recebeu premiação por seu desempenho em língua portuguesa

E a revelação do nome do estudante e da escola em que ele estuda foi feita durante a cerimônia. Nem mesmo Mateus Felipe sabia da premiação. Aluno da Escola Vinicius de Morais ficou sabendo apenas quando foi chamado ao auditório, na companhia dos pais que ficaram orgulhosos da conquista do menino que revelou como se destacou para ser reconhecido. “Prestei muita atenção na aula”, disse o estudante que quando crescer quer se tornar policial.

Entre os alunos premiados, Mateus, de oito anos, foi reconhecido como o melhor em língua portuguesa na regional. Seus pais expressaram o orgulho e a felicidade pela dedicação do filho. “Estamos muito orgulhosos pela dedicação dele. Sempre foi uma criança exemplar, tirando notas altas e nunca dando trabalho na escola”, disse o pai de Mateus Felipe, Jhonny Nogueira.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

O reconhecimento de Mateus não é apenas um reflexo do trabalho escolar, mas também do suporte familiar. “Sempre incentivamos ele a fazer suas tarefas antes de brincar. Esse planejamento e dedicação dentro de casa foram fundamentais para esse reconhecimento”, explicou a mãe Juliana Bruna.

No início de julho, Mateus Felipe deverá participar de uma solenidade em Cuiabá, onde receberá premiação por seu bom desempenho escolar.

Empenho dos professores

Os alunos do quinto ano também se destacaram, conforme Lovatel mencionou. “Lucas do Rio Verde tem as melhores notas dos alunos que cursaram o quinto ano em 2023. Isso demonstra um olhar muito delicado, mas também encorajador dos nossos professores. É um dia de muita festa: temos o melhor aluno da regional em língua portuguesa do segundo ano e as melhores notas do quinto ano, além de quatro escolas entre as cem melhores.”

Entre as escolas premiadas, a Escola Luiz Carlos Ceconello merece uma menção especial. “Essa escola foi municipalizada, passou por um ano de reforma e, mesmo assim, conseguiu estar entre as quatro premiadas. Isso mostra o potencial da comunidade escolar e a dedicação dos profissionais que tiveram que administrar aulas e reforma simultaneamente”, explicou Lovatel.

“Isso demonstra o engajamento dos nossos profissionais da educação em busca de resultados. É gratificante ver a colheita dos frutos do trabalho dos professores, diretores e servidores da educação”, destacou o prefeito Miguel Vaz. “Essa noite nos enche de orgulho e nos motiva a continuar em busca de novos resultados, beneficiando nossas crianças e sociedade.”

É formado em Jornalismo. Possui experiência em produção textual e, atualmente, dedica-se à redação do CenárioMT produzindo conteúdo sobre política, economia e esporte regional.