23.5 C
Lucas do Rio Verde
sábado, 31 julho, 2021
InícioMATO GROSSOLUCAS DO RIO VERDELucas do Rio Verde realiza vacinação de lactantes contra a Covid-19

Lucas do Rio Verde realiza vacinação de lactantes contra a Covid-19

Em uma semana, 270 lactantes foram imunizadas no município
Por Redação CenárioMT com Assessoria

O município de Lucas do Rio Verde, seguindo as orientações do Governo de Estado do Mato Grosso, deu início nesta semana à vacinação contra a Covid-19 em lactantes com bebês de até um ano completo. A Secretaria Municipal de Saúde orientou todas as lactantes que se encaixavam no pré-requisito do Governo do Estado a procurarem o seu PSF de origem e deixar o nome e interesse em ser vacinada.

Foi o que fez Cristiana Brito do Nascimento logo nos primeiros dias após o anúncio da lista de interesse. “O que me motiva a vir vacinar é que eu posso estar imunizando o meu bebê também já que eu estou amamentando. Para mim é muito importante e para ele também. É importante se prevenir contra essa doença. É vida!”, afirma a lactante.

Até o momento, em uma semana de imunização, 270 lactantes já foram vacinadas. A lista serve para controle e organização, já que à medida que mais doses chegarem, gradativamente essas mulheres serão convocadas para receber a imunização no PSF onde foram incluídas no cadastro de lactantes.

“Tem estudos que comprovam que passa no leite então, automaticamente, minha bebê de três meses vai estar imunizada também. Através da minha vacinação são duas pessoas que serão vacinadas. Todo mundo sabe a importância da vacinação, que é o mais próximo que a gente tem do que é mais eficaz para o combate ao vírus”, ressalta a lactante Cristina Almeida Wille.

SOBRE A INCLUSÃO DE LACTANTES
O Plano Nacional de Operacionalização (PNO) da vacinação contra a Covid-19 (7ª edição) reforça que o ALEITAMENTO MATERNO NÃO DEVERÁ SER INTERROMPIDO em caso da vacinação de lactantes e a DOAÇÃO DE LEITE de lactantes vacinadas está permitida.

De acordo com as Resoluções CIB/MT Ad Referendum nº 63 e nº 66, o Governo do Estado de Mato Grosso inicialmente entende como lactante a mãe que está amamentando – de 46 dias pós-parto até os 12 meses de idade (um ano) da criança. No entanto, há previsão de imunização em mulheres com bebês de até dois anos completos caso as doses destinadas a esse público-alvo sejam suficientes para contemplá-las, como sugerem os documentos: “Completado o grupo prioritário da lactante com bebê de até um ano de idade completo, e caso o município ainda disponha de doses destinadas para este grupo, o mesmo poderá estender a vacinação das lactantes de crianças de um ano e um dia até dois anos completos”.

Não há restrição para lactantes para o recebimento da vacina da marca AstraZeneca. A restrição é exclusiva para gestantes e puérperas. Ou seja, após os 45 dias de nascimento do bebê, a mãe pode receber vacina de qualquer marca disponível.

No entanto, assim como no caso de gestantes e puérperas, as lactantes devem ser informadas sobre os dados de eficácia e segurança conhecidos sobre as vacinas e da ausência de alguns dados relacionados para que possam tomar uma decisão esclarecida e não influenciada.

 

Gustavo Praiadohttps://www.cenariomt.com.br
Gosta de economia, assistir séries, filmes de ação e gosta de videogames. Editor no CenárioMT nos cadernos de Economia e Mundo, mas nem por isso deixa uma notícia regional em branco, sempre atento as tendências que o internauta procura para ficar bem informado.
- Publicidade -

Lucas do Rio Verde

DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO
Lucas Forte de Novo tem 54% das propostas aprovadas
julho 31, 2021
POLÍTICA
Com fim do recesso, Câmara de Lucas retoma sessões ordinárias na próxima segunda
julho 31, 2021