23.7 C
Lucas do Rio Verde
quarta-feira, 01 dezembro, 2021
InícioCENÁRIO POLÍTICOLucas do Rio Verde: Declarações de secretário de esportes provocam polêmica em...

Lucas do Rio Verde: Declarações de secretário de esportes provocam polêmica em sessão da Câmara

Jackson Lopes usou palavras consideradas agressivas por vereadores: “chamou o vereador de mentiroso várias vezes”, reclamou Márcio Albieri
Por CenárioMT

A ida do Secretário de Esportes, Jackson Lopes, à Câmara de Vereadores de Lucas do Rio Verde nesta segunda-feira (25) rendeu polêmica. Alguns vereadores reclamaram da forma como o secretário se comportou na Tribuna. As declarações de Lopes foram dadas já no final da sessão.

Antes do uso da Tribuna pelos vereadores, a Câmara recebeu Carina Parra que falou sobre o dia mundial de conscientização em relação à mielomeningocele, a espinha bífida aberta. Carina, que é mãe do pequeno Danilo, falou sobre a rotina do filho e da necessidade de ações para atender pessoas com a patologia.

O espaço destinado a Jackson Lopes foi após a votação das matérias. A ida do secretário até o Poder Legislativo foi motivada por declarações do vereador Marcelo Dal Berto (PP).

No decorrer da explanação do secretário, o presidente Daltro Figur (Cidadania) sugeriu votação acerca do tempo que seria destinado para o uso da Tribuna. A iniciativa não foi bem aceita por alguns vereadores.

“Eu acho constrangedor, desnecessário. O senhor deveria ter falado ao secretário qual o tempo que ele tinha disponível. Agora, o senhor colocar em votação? Nós já sabemos no que vai dar. Então deixa o secretário falar o tempo que for preciso. Nós temos até, de segunda-feira, até meia-noite, depois continua na terça”, reclamou Marcos Paulista (PTB).

O vereador do PSD, Marcio Albieri, citou que o Regimento Interno prevê o uso de 20 minutos, e reclamou que, em determinado momento, os microfones dos vereadores estavam desligados.

Relatório

Antes de fazer uso da Tribuna, Lopes entregou cópia dos relatórios aos vereadores. O documento detalha ações comparando com a gestão dos ex-secretários de Esportes, Marcelo Dal Berto e Gustavo Righi.

O atual gestor anexou fotos no relatório. Jackson fez criticas à obras entregas na gestão anterior, como no ginásio Didé Martins, no Tessele Junior. “Um excelente ginásio, com medidas oficiais, porém com problema de projeto tremendo. E com menos de 12 meses, sem contar os 6 meses que ficou fechado por conta da pandemia, estamos tendo que fazer as devidas reformas”, disse na Tribuna.

Em alguns momentos, o secretário disse que Dal Berto faltou com a verdade. Uma delas, segundo Jackson, se refere a um processo de licitação para construção de dois ginásios. Lopes afirmou que Dal Berto não atuava como secretário na época. Além disso, acusou a proposta de construção do ginásio perigosa, pois exporia alunos a risco de segurança para atravessar a rua. O gestor esportivo disse ainda que o ginásio proposto apresentaria os mesmos problemas estruturais do ginásio localizado no Tessele Junior.

Adjunto

Marcelo Dal Berto lembrou que o atual secretário atuou como seu adjunto, no período que ocupou a Secretaria de Esportes. O atual vereador fez vários apontamentos e não aceitou que Lopes interrompesse sua explanação.

O clima foi mais tenso quando Márcio Albieri (PSD) comentou sobre a apresentação do relatório. “Confesso que não era desta pasta. Se o senhor tivesse falado isso pra mim, o senhor levar um ‘coro’ hoje aqui”, iniciou o vereador, dizendo que Lopes faltou com respeito a Marcelo Dal Berto. “O senhor vem aqui, fala meia hora, fala do jeito que quer, chama o cara de mentiroso várias vezes e vem falar o jeito que eu tenho que falar com você na Tribuna da Câmara?” indagou. “Tu pisa em outro, mas em mim não”, emendou.

Albieri cobrou respeito e disse que o comportamento do secretário, usando tom de acusação em sua exposição. “É inadmissível”.

“Eu fiz meus argumentos, busquei fazê-los de forma harmônica”, citou Marcelo Dal Berto. “Eu peço desculpas até por isso. Este não é o propósito pelo qual eu vim aqui na Câmara de Vereadores. Vamos botar um ponto final nessa baixaria”, acrescentou.

Colocou em xeque

De acordo com o secretário de Esportes, as declarações feitas por Marcelo Dal Berto na sessão do dia 18 de outubro motivaram a elaboração do relatório apresentado hoje. Segundo ele, as declarações de Dal Berto colocaram em xeque os trabalhos desenvolvidos ao longo dos últimos dez meses. “A gente se sentiu na obrigação de vir trazer o relatório dos trabalhos desenvolvidos até o momento”, reforçou.

Lopes reconheceu que em alguns momentos elevou o tom, mas argumentou que usou os termos que foram impostos anteriormente. “Em vários momentos faltou inconsistência, incoerência e faltou verdades na palavra dele. Eu só vim trazer o que estava na fala dele, da ultima sessão do dia 18”, justificou.

O presidente do Legislativo, Daltro Figur, disse que o pedido de usar a Tribuna foi feito por escrito. Figur considerou importante e interessante a prestação de contas do secretario.  “E acabou criando um movimento, uma parte polêmica, mas é assim, é direito dele vir aqui e prestar o seu esclarecimento e o s vereadores fazerem suas perguntas. Ficou acirrada, mas todos somos inteligentes o suficiente pra saber conduzir esse assunto”, argumentou.

A sessão, iniciada às 8 horas, foi encerrada pouco depois do meio-dia, com duração maior que o tempo usual.

Celso Ferreira Neryhttps://www.cenariomt.com.br
É formado em Jornalismo. Possui experiência em produção textual e, atualmente, dedica-se à redação do CenárioMT produzindo conteúdo sobre política, economia e esporte regional.

Redes sociais

107,360FãsCurtir
17,057SeguidoresSeguir
2,093SeguidoresSeguir

Lucas do Rio Verde

Lucas do Rio Verde
Prefeitura de Lucas do Rio Verde entrega nova farda para Guarda Municipal
dezembro 01, 2021
Lucas do Rio Verde
Mais de 30 equipes participam do primeiro Open Vôlei de Praia em Lucas do Rio Verde
dezembro 01, 2021
LITERATURA
Escritora luverdense é premiada por participação em congresso cultural na Suíça
dezembro 01, 2021
Em Lucas
Polícia investiga furto de carga de materiais recicláveis avaliada em R$ 15 mil
novembro 30, 2021