24.6 C
Lucas do Rio Verde
segunda-feira, 15 agosto, 2022
Publicidade
InícioMATO GROSSOLUCAS DO RIO VERDEFamílias prestigiam formatura da 11ª turma do projeto Bombeiros do Futuro em...

Famílias prestigiam formatura da 11ª turma do projeto Bombeiros do Futuro em Lucas do Rio Verde

Mais de 50 alunos participaram da cerimônia ocorrida na noite desta quinta-feira (30) no Sindicato Rural do município
Texto por CenárioMT

O Corpo de Bombeiros de Lucas do Rio Verde formou mais uma turma do projeto Bombeiros do Futuro. A cerimônia foi realizada ontem (30) à noite, no auditório do Sindicato Rural do município. Familiares e pais de alunos lotaram o espaço para acompanhar a formatura da 11ª turma do projeto. Dos 60 participantes que iniciaram as instruções, 56 receberam o certificado de conclusão do Bombeiros do Futuro.

Heliana Santana, mãe dos alunos Lorena e Fábio, revelou-se orgulhosa ao ver os filhos participando do projeto. Ela conta que sentiu mudança no comportamento de ambos, além de engajamento nas atividades desenvolvidas semanalmente. “Eles sonham poder participar de outras turmas, embora não possam participar novamente”, lamenta.

As atividades desenvolvidas pelo projeto, que contou com apoio de outras instituições, como Polícia Civil, Militar, OAB, Portal da Sobriedade, CAPS, Defensoria, Ministério Público, entre outros, ajuda no dia a dia dos alunos. Heliana relata que as instruções têm ajudado de diversas maneiras. “Na segurança deles, disciplina, pois vi mudança dentro de casa. É um projeto maravilhoso e eu só tenho a agradecer ao Corpo de Bombeiros e ao projeto social. É muito bom mesmo”, destacou.

Carreira militar

Conhecer como funciona o dia a dia do Corpo de Bombeiros, com instruções como salvamento em altura, acidentes e na água, além do combate a incêndios acabam despertando nos alunos o desejo pela carreira militar. É o caso da Bombeiro do Futuro Da Paz. A estudante, de 12 anos, ficou entusiasmada com o aprendizado durante o projeto. “Eu gostei muito do projeto, achei interessante o que aprendemos, o que nos foi passado pelos bombeiros, a experiência que eles têm, passando isso pra gente. É uma oportunidade que poucos tem”, relatou Da Paz, que valorizou mais as atividades de campo. “Foi a melhor instrução que a gente teve”.

A estudante, que cursa o 7º ano na Escola Militar Tiradentes, disse que já vem colocando em prática muitas instruções recebidas. E está estimulada a seguir uma carreira militar. “Eu pretendo seguir carreira. Penso que seja como policial”, resumiu Da Paz.

Outro formando é o BF Correa. Como se destacou durante a realização da 10ª turma do projeto, o jovem atuou como monitor. “Foi uma experiência muito vibrante. Como aluno eu ficava sendo cobrando de mim mesmo a cada vez que tinha uma edição, uma aula, sempre cobrava bem mais de mim. Eu queria ser monitor, queria ser o 01, ser o melhor. Acabei conseguindo. E agora como monitor, é uma experiência muito boa”, comentou o jovem estudante de 14 anos que também pretende seguir carreira militar, seja no Corpo de Bombeiros ou na Polícia Militar.

Balanço positivo

O comandante do Corpo de Bombeiros, major Alex Queiroz, destacou a retomada do projeto depois de uma paralisação de dois anos devido a pandemia de covid-19. Ele disse que a formatura foi especial também para o Corpo de Bombeiros. “Foi um tempo que a gente considera até curto, mas que deu para passar muita coisa pra eles, muitos ensinamentos. E isso deixa a gente cada vez mais motivado pra continuar também”, avaliou o oficial.

Major Queiroz ressaltou também o apoio que o projeto tem recebido da comunidade. Ele agradeceu às instituições parceiras e também aos patrocinadores. “É um projeto que a gente não consegue realizar sem parceiros. Primeiramente é importante agradecer aos pais, que acreditam e confiam as crianças em nossas mãos, que ficam sob nossa responsabilidade por algum tempo. E também agradecer aos parceiros. As crianças não pagam nada pra participar, recebem uniforme, alimentação, toda a estrutura pra realizar as atividades, equipamentos, e é tudo vindo de doação. A gente agradece aos parceiros, colaboradores, diversas empresas, órgãos públicos também, apoiando em valores ou ajudando em palestras, orientações”, detalhou.

Durante a formatura, o comandante pediu que os militares e estagiários que atuam na 13ª CIBM fossem à frente. Eles foram saudados pelo público que reconheceu a importância deles na realização do projeto. “É uma soma de esforços de várias pessoas, vários setores, que faz com que o projeto tenha sucesso. Nossos militares doam um pouco do seu período de folga para estar em todos os finais de semana com essas crianças, passando um pouco de seu conhecimento, sua vivência pra eles”, concluiu o comandante do Corpo de Bombeiros.

Celso Ferreira Nery
Celso Ferreira Neryhttps://www.cenariomt.com.br
É formado em Jornalismo. Possui experiência em produção textual e, atualmente, dedica-se à redação do CenárioMT produzindo conteúdo sobre política, economia e esporte regional.

Publicidade


Publicidade

Lucas do Rio Verde

TRÂNSITO
Condutor perde controle de direção, cai em córrego e morre em Lucas do Rio Verde
agosto 14, 2022
Lucas do Rio Verde
Agosto Lilás: Botão do Pânico auxilia vítimas de violência doméstica
agosto 14, 2022
Lucas do Rio Verde
Atleta de Lucas do Rio Verde conquista duas medalhas de ouro na Paralimpíadas Escolares
agosto 14, 2022
Lucas do Rio Verde
Esporte apresenta detalhes do Futebol Amador durante congresso técnico com equipes
agosto 14, 2022