Um homicídio ocorrido no primeiro dia do ano (01.01) em Pontes e Lacerda (448 km a Oeste) foi esclarecido pela Polícia Judiciária Civil, com a prisão dos três envolvidos, poucas horas após o crime. Os suspeitos,  confessaram a autoria do crime e foram autuados em flagrante por homicídio qualificado.

As investigações iniciaram por volta das 18 horas, quando a equipe da Delegacia de Pontes e Lacerda foi acionada sobre uma tentativa de homicídio, no bairro Morada da Serra. Segundo as informações, a vítima, atingida por golpes de faca, foi levada ao Hospital Vale do Guaporé em estado grave e não resistiu aos ferimentos, morrendo logo que deu entrada na unidade de saúde.

Nas diligências para identificar os autores do crime, os policiais receberam informações de que a vítima e os suspeitos estavam ingerindo bebida alcoólica no Portal Turístico, localizado às margens da Rodovia BR 174 B, quando iniciaram uma discussão, motivada pelo fato de um dos envolvidos ter urinado próximo ao carro da namorada da vítima.

Após a discussão, três suspeitos seguiram a vítima até o bairro Morada da Serra, onde após encontrá-la desferiram os vários golpes de faca que ocasionaram a sua morte. Com base no rápido trabalho investigativo, os policiais conseguiram realizar a prisão de dois dos envolvidos e logo em seguida a apreensão da arma utilizada no crime, que estava escondida em uma casa no bairro Cohab do Mura.

Questionados, os suspeitos revelaram que participaram da briga, sendo que um deles confessou ser o autor dos golpes contra a vítima. Em continuidade as diligências, os policiais realizaram a prisão de seu amigo, que também confessou a participação no crime, dizendo que levou os outros dois comparsas até o local em que a vítima foi executada.

Diante dos fotos, os suspeitos foram conduzidos a Delegacia de Pontes e Lacerda, onde após serem interrogados pelo delegado Gilson Silveira do Carmo, foi lavrado o flagrante de homicídio qualificado.