29.8 C
Lucas do Rio Verde
terça-feira, 26 janeiro, 2021
Início CENÁRIO POLÍTICO GOV-MT Governo de MT dá ordem de serviço e retoma obra parada desde...

Governo de MT dá ordem de serviço e retoma obra parada desde 2013

Serão investidos R$ 207,48 milhões na retomada e conclusão do Hospital Universitário Júlio Müller
Por CenárioMT

O governador Mauro Mendes assina nesta terça-feira (01.12), às 8h30, o contrato junto ao Consórcio Jota Ele–MBM e a respectiva ordem de início de serviço para a retomada das obras do novo Hospital Universitário Júlio Müller, que estavam paralisadas desde 2013.

A assinatura será realizada no local onde será edificado o hospital, no KM 16 da MT-040, entre Cuiabá e Santo Antônio de Leverger.

Também participam do evento os representantes do Consórcio Jota Ele–MBM, o secretário de Estado de Infraestrutura e Logística, Marcelo de Oliveira, o secretário de Estado de Saúde, Gilberto Figueiredo, o reitor da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT), Evandro Soares, entre outras autoridades.

Serão investidos R$ 207,485 milhões na retomada e conclusão do hospital, que era mais uma obra prevista para ser entregue na Copa do Mundo de 2014 e que está sendo retomada pela atual gestão do Governo de Mato Grosso, sendo considerada uma das principais ações do programa Mais MT, no eixo da Saúde.O prazo previsto para a construção do hospital é de 24 meses.

O investimento a ser realizado é R$ 8,788 milhões menor em relação ao que estava estimado, no valor de R$ 216,273 milhões, no início da licitação feita pela Sinfra. A economia se dá em razão do instrumento de “orçamento sigiloso” aplicado no processo licitatório, no qual o valor de referência à retomada da obra, atribuído pelo Governo do Estado, somente foi revelado ao final do certame.

Com a assinatura do contrato e a emissão de ordem de serviço, o Consórcio Jota Ele–MBM será o responsável pela elaboração do projeto executivo e também pela execução da obra, que teve início em 2012 e até o presente momento tem apenas 9% de seu andamento concluído. Para a retomada da obra, R$ 96 milhões de recursos federais, por meio do Ministério da Educação (MEC), já estão assegurados.

O hospital terá 58,5 mil metros quadrados somente de área construída e está localizado em um terreno de 147 hectares. O anteprojeto, que foi elaborado pela UFMT, mantém a concepção de hospital-escola e prevê a construção de oito blocos para atender as áreas assistenciais, de internação, nutrição, administrativa, entre outras.

Ao todo o hospital contará com 228 leitos de internação, 68 leitos de repouso e 63 leitos de Unidades de Terapia Intensiva (UTIs), sendo 25 para adultos, 18 voltados a atender crianças (pediátrico) e 20 para recém-nascidos (neonatal).  Além disso, a unidade de saúde contará ainda com 12 centros cirúrgicos, 85 consultórios, 45 salas de exame, 21 salas para banco de sangue e triagem e outras 53 salas administrativas.

Histórico

As obras do novo Hospital Universitário Júlio Müller começaram após o Governo do Estado firmar convênio com a UFMT e eram executadas pelo consórcio Normandia – Phoenix- Edeme, formado pelas empresas Normandia Engenharia Ltda., Construtora e Incorporadora Phoenix Ltda. e Edeme Construções Civis e Planejamento Ltda.

Em 2013, os serviços foram paralisados e, posteriormente, o contrato foi rescindido pelo não cumprimento do cronograma. A conclusão da obra estava prevista para 2014. Ao todo, o investimento previsto era de R$ 116,5 milhões, sendo que metade dos recursos eram estaduais e metade federais.



© CenárioMThttps://www.cenariomt.com.br
CenárioMT - Publicamos notícias diariamente no portal!
- Publicidade -

Últimas no CenárioMT

Lucas do Rio Verde

SAÚDE
Mais 100 cirurgias de pterígio serão realizadas no PSF Vida Nova neste final de semana
janeiro 26, 2021
SAÚDE
Com 06 notificações, Lucas do Rio Verde já possui 02 casos positivos de dengue em 2021
janeiro 26, 2021