22.5 C
Lucas do Rio Verde
domingo, 16 maio, 2021
InícioMATO GROSSOEx-prefeito, professores, empresários e fotógrafo morrem vítimas da Covid-19

Ex-prefeito, professores, empresários e fotógrafo morrem vítimas da Covid-19

Por CENÁRIOMT COM INF. OLHAR DIRETO

O número de mortes por Covid-19 continua alto em Mato Grosso e nesta terça-feira chegou a um total de 9.233 óbitos. Entre as vítimas estão os professores Joel Vicente de Sousa e Silas Costa, o ex-prefeito de Nobres, Flávio Dalmolin, o fotógrafo Rildo Amorim, e os empresários Dirceu Francisco João e Sandro Scarabelot.

O ex-prefeito de Nobres, Flávio Dalmolin, de 54 anos, morreu na madrugada desta quarta-feira (21), depois de ficar mais de duas semanas internado internado em uma UTI no hospital Santa Rosa em Cuiabá. Ele chegou a ficar com mais de 75% dos pulmões comprometidos.

Flávio não estava reagindo as medicações e seu quadro clínico acabou agravando na madrugada desta quarta-feira (21). Flávio administrou o município de Nobres entre os anos 2000 a 2008, e foi responsável pela realização de diversas obras importantes de mobilidade urbana. Atualmente estava trabalhando como Secretário Municipal de Agricultura.

A morte do fotógrafo Rildo Amorim foi confirmada por familiares nas redes sociais. Ele estava há algumas semanas lutando contra a Covid-19. Amigos do fotógrafo prestaram suas homenagens nas redes. “Meu amigo  vai em paz. Difícil  de acreditar  que vc se foi”, disse uma amiga do fotógrafo.

O professor Joel Vicente de Sousa faleceu nesta terça-feira (20), também vítima da Covid-19. Ele era professor da rede municipal, atuava na Escola Dom Hélder Câmara. Na escola trabalhava com estudantes do fundamental, séries iniciais. O Sindicato dos Trabalhadores no Ensino Público de Mato Grosso (Sintep-MT) emitiu uma nota de pesar pela morte.

Outro professor vítima da Covid-19 nesta terça-feira foi Silas Costa. De acordo com o Sintep, Silas entrou na rede municipal de Peixoto de Azevedo em 2007, foi lotado em escolas municipais atuando no laboratório de informática, e atualmente estava lotado na Secretaria Municipal de Educação. Ele deixa esposa e filhos.

A morte do empresário do setor madeireiro Dirceu Francisco João, de 41 anos, foi confirmada pelo Sindicato das Indústrias Madeireiras e Laminados de Aripuanã (SINDILAM). Ele estava há 17 dias em tratamento contra a Covid-19 e nos últimos 10 dias encontrava-se na UTI do Hospital Só Trauma, em Cuiabá. O corpo do empresário foi transladado para a cidade de Curitiba, onde moram seus familiares.

O proprietário de uma empresa de gestão ambiental, Sandro Scarabelot, de 49 anos, também faleceu vítima da Covid-19. Ele estava internado no Hospital São Lucas, em Lucas do Rio Verde. A empresa dele estava localizada na comunidade São Cristóvão. Amigos lamentaram a perda nas redes sociais.


Dayelle Ribeirohttps://www.cenariomt.com.br
Redatora do portal CenárioMT
- Publicidade -

Últimas no CenárioMT

Lucas do Rio Verde

SÃO E SALVO
Em ação rápida, bombeiros resgatam cachorro preso debaixo de contêiner em Lucas do Rio Verde
maio 16, 2021
CLASSIFICADO
Grupo Santos volta a vencer Sorriso e garante vaga na próxima fase da Copa do Brasil
maio 16, 2021