23.4 C
Lucas do Rio Verde
quinta-feira, 22 outubro, 2020
Início MATO GROSSO CUIABÁ Vereadores visitam HMC e reconhecem a importância da entrega por etapas para...

Vereadores visitam HMC e reconhecem a importância da entrega por etapas para não perder R$ 100 milhões

Por OZIANE RODRIGUES

A entrega do ambulatório (que já está pronto para uso) e a logística do funcionamento por etapas dos demais ambientes do Hospital Municipal de Cuiabá (HMC) Leony Palma de Carvalho, para que Cuiabá não perdesse do governo federal os R$ 100 milhões do Programa Desafio Chave de Ouro destinados à conclusão da obra e os R$ 30 milhões para custeio da unidade, foi reconhecida pela maioria dos vereadores que participaram da visita conjunta ao local, na manhã desta quinta-feira (03).

No ato, o presidente da Câmara, Misael Galvão, que foi o responsável pelo requerimento da visita junto a Secretaria Municipal de Saúde (SMS), ressaltou que o respeito conferido pela nova presidência da Câmara ao protocolo de segurança que foi montado para resguardar os equipamentos além da transparência com a visita conjunta dos vereadores oportunizou observar que os frutos desse trabalho beneficiarão não apenas o Sistema Único de Saúde (SUS) de Cuiabá, mas de todo o estado.

“O respeito ao protocolo de acesso ao HMC, demonstrou, sobretudo que os parlamentares desta Casa trabalham em prol da população. E em nome dela viemos buscar transparência e sanar as dúvidas de cada um. Encontramos a parte ambulatorial realmente pronta para uso e, por meio das explicações dos técnicos, dentre os quais, o secretário da Pasta, pudemos reconhecer a importância da entrega por etapas. Afinal, havia o prazo de até 31 de dezembro para apresentar parte da obra e até abril de 2019 para que o hospital esteja 100% funcionando, sob pena de perder os R$ 100 milhões do Chave de Ouro e os R$ 30 para custeio. As etapas foram e estão sendo respeitadas, prova esta que as demais fases estão com mais de 90% de conclusão. Vendo mais de perto a dimensão desta obra, notamos que o esforço empenhado beneficia não apenas o SUS de Cuiabá mas o de todo o estado que busca atendimento na Capital”, frisou o presidente.

Para o médico e vereador Ricardo Saad que é autor da Lei 6.012/2015, a decisão do prefeito Emanuel Pinheiro de inaugurar a obra parcialmente foi acertada. “A mensagem visa proibir a inauguração e a entrega de obras públicas incompletas, ou que estejam sem condições de funcionamento. Entretanto, enquanto médico avalio com prudência que o ambulatório está sim pronto para receber paciente, claro o que se precisa observar de agora para frente é o processo que acompanhará este funcionamento desde a parte de cozinha à retaguarda dos pacientes – assegurada pelo secretário de Saúde aqui presente. E como autor da lei 6.012/2015, preciso admitir que ou o prefeito tomava esta decisão e acelerava o processo de conclusão dessa grande obra ou ficava travado e perdia esse recursos enquanto muitas pessoas padecem na fila do SUS em Cuiabá. Então, enquanto médico e parlamentar não posso julgar o prefeito, porque havia e há vidas precisando que esta obra seja 100% entregue e concluída o quanto antes”, ressaltou.

Reforçando que a SMS está seguindo o cronograma de adiantamento apresentado pelo prefeito Emanuel Pinheiro em coletiva à imprensa no dia 26 de dezembro, onde explicita que a entrega será feita em quatro etapas, sendo a última no dia 08 de abril, em comemoração aos 300 anos, o secretário de Saúde de Cuiabá, Luiz Antônio Possas de Carvalho esclarece que se não fosse os montantes conquistados pela atual gestão o cronograma final da obra se daria no final de julho e isso considerando o pagamento dos R$ 82 milhões que foram concedidos ao Estado.

“Se não fosse esse recurso do governo federal teríamos sérios riscos de não conseguirmos concluir a obra em julho, pois dependeríamos dos R$ 82 milhões do Estado. O prefeito Emanuel Pinheiro não olhou para as dificuldades e com seu bom alinhamento político agarrou a oportunidade de adiantar a realização do sonho dos cuiabanos. Dessa forma, quero agradecer a todos os vereadores que estão verdadeiramente ajudando a população a conquistar essa virada de página na Saúde, porque independe de qualquer situação ou oposição, esse choque de gestão que estamos fazendo e que impulsionaremos ainda mais nos próximos meses, beneficia diretamente a população mais carente que é quem mais precisa do poder público”, finalizou o secretário.

 



© CenárioMThttps://www.cenariomt.com.br
CenárioMT - Publicamos notícias diariamente no portal!
- Publicidade -

Últimas

Kassio Nunes Marques é aprovado na CCJ do Senado para vaga no STF

O desembargador Kassio Nunes Marques, do Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF1), teve sua indicação ao Supremo Tribunal Federal (STF) aprovada na tarde...

Armas de fogo apreendidas por disparo ermo, em abordagem e transportada irregularmente

Policiais militares encaminharam à delegacia nesta segunda-feira (19.10), três homens por porte ilegal de arma de fogo e um terceiro cidadão por transporte irregular. Em...

Ministro da Saúde testa positivo para covid-19

O ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, testou positivo para covid-19, segundo nota divulgada nesta quarta-feira (21) pela própria pasta. De acordo com o comunicado, ontem...

Dupla de Stefani se classifica à semifinal de WTA de Ostrava

A paulistana Luisa Stefani e a nova parceira, a canadense Gabriela Dabrowski, avançaram à semifinal de duplas no WTA de Ostrava (República Tcheca), após vencerem...