23.1 C
Lucas do Rio Verde
domingo, 20 junho, 2021
InícioMATO GROSSOCUIABÁParceria entre Prefeitura e movimento comunitário garante espaço para sede administrativa de...

Parceria entre Prefeitura e movimento comunitário garante espaço para sede administrativa de Colônia de Pescadores

O prédio, que fica às margens do Rio Cuiabá, será reformado para abrigar a associação
Por CenarioMT

Uma parceria entre a Prefeitura de Cuiabá, por meio da Secretaria de Agricultura, Trabalho e Desenvolvimento Econômico, e a Associação de Moradores do Bairro do Porto vai garantir espaço adequado para funcionamento da sede administrativa da Colônia de Pescadores Z-1. O prédio, que fica às margens do Rio Cuiabá, será reformado para abrigar a associação, que antes funcionava no Mercado do Porto, que passa por obras de reestruturação.

“Nada mais justo que deixar a Colônia de Pescadores Z-1 ao lado do rio de onde se tira o sustento. Uma entidade com história na nossa capital, que fomenta e gera emprego em uma das atividades econômicas mais tradicionais e culturais de Cuiabá”, pontuou o prefeito Emanuel Pinheiro.

Criada na década de 1980, a Colônia de Pescadores Z-1 tinha sua sede administrativa nas instalações do Mercado do Porto. Foi uma das primeiras a ocupar espaço na estrutura e é uma das mais tradicionais da capital de Mato Grosso. Atualmente conta com 900 pescadores cadastrados.

“Com as obras do Mercado do Porto não podíamos deixar a Colônia de Pescadores sem um lugar para sua sede administrativa. Não podíamos deixá-los desamparados. Por isso, por determinação do prefeito Emanuel Pinheiro conversamos com a Associação de Moradores do bairro do Porto e vamos reformar parte da estrutura da Associação para abrigar os pescadores e também fomentar o uso do local, trazendo cursos para a comunidade”, disse o secretário de Agricultura, Trabalho e Desenvolvimento Econômico, Francisco Vuolo.

Com a estrutura predial reformada, a Colônia irá continuar seu trabalho de assistência social e jurídica aos pescadores, que muitas vezes recorrem à instituição para informações sobre aposentadoria, seguro desemprego.

O tesoureiro da Colônia, seu Valdivino Paulo da Cruz sonha com o novo espaço para organizar os companheiros em prol de melhorias para o Meio Ambiente e o sustento das famílias pescadoras.

“Com o espaço nós vamos poder nos organizar para reivindicar por exemplo, a volta de programas para incentivo a pesca e preservação do Meio Ambiente como na época de Murilo Domingos. É isso que queremos, que se olhe para o pequeno, para o pescador e dê oportunidade para que trabalhe em conjunto com a preservação do rio”, disse o pescador que dedicou a vida inteira à profissão.

A parceria também pretende resgatar a utilidade do espaço para oferta de cursos de capacitação para a comunidade local. “Nasci e me criei aqui na região do Porto, conheço os pescadores da Colônia, mas precisamos estreitar os laços, unir forças e essa é uma ótima oportunidade para isso, para juntos trazermos melhorias para a população da nossa região”, disse o presidente da Associação de Moradores do bairro do Porto, Naro Batista.

Também presente na reunião, o presidente da Federação Mato-grossense das Associações de Moradores de Bairros, Valter Arruda falou da importância de se valorizar o movimento comunitário e as organizações de moradores.

“Agrademos o olhar sensível da gestão Emanuel Pinheiro, que está sempre ouvindo as comunidades e seus representantes. Agradecemos ao secretário Vuolo, que quando assumiu a Secretaria de Agricultura, sabíamos que trabalharia para garantir os avanços sociais e a melhoria na qualidade de vida para a população que tanto precisa”, finalizou Arruda.


© CenárioMThttps://www.cenariomt.com.br
CenárioMT - Publicamos notícias diariamente no portal!
- Publicidade -

Últimas no CenárioMT

Lucas do Rio Verde

Lucas do Rio Verde
Agentes de Saúde e Atenção Básica recebem capacitação em Lucas do Rio Verde
junho 19, 2021
LUTO
Com mais dois óbitos, Lucas do Rio Verde chega 166 mortes por Covid-19
junho 19, 2021