37.6 C
Lucas do Rio Verde
quinta-feira, 16 setembro, 2021
InícioCENÁRIO POLÍTICOAL-MTComissão inicia ciclo de debates sobre a qualidade da educação em Mato...

Comissão inicia ciclo de debates sobre a qualidade da educação em Mato Grosso

Por CENÁRIOMT

A Comissão de Educação, Ciência, Tecnologia, Cultura e Desporto da Assembleia Legislativa de Mato Grosso deu início, nesta segunda-feira (30), a um ciclo de debates com o objetivo de levantar sugestões para a melhoria da qualidade da educação pública no estado.

O presidente da comissão, deputado estadual Wilson Santos (PSDB), explicou que a iniciativa é uma retomada das discussões realizadas nos anos de 2015 e 2016, que resultou na elaboração de um diagnóstico acerca do ciclo de formação humana implantada na rede estadual de ensino e no apontamento de recomendações para corrigir as falhas encontradas no sistema.

As reuniões sobre o tema serão realizadas quinzenalmente e contarão com a participação de representantes do poder público, entidades de classe e sociedade civil. O relatório final dos trabalhos deverá ser entregue até março de 2022.

“Constituímos um grupo com pessoas muito capacitadas na área da educação pública e vamos iniciar o debate justamente sobre o ciclo de formação humana. Por que ele não está completo e quais elementos faltam para completá-lo? Nosso objetivo é focar na qualidade do ensino público no estado. Havendo qualidade no ensino, a grande consequência é a aprendizagem e não teremos mais alunos que terminam o ensino fundamental, o nono ano, e não sabem ler, escrever e nem fazer as quatro operações aritméticas”, declarou o deputado.

A secretária-adjunta de Gestão Educacional da Secretaria de Estado de Educação (Seduc), Alcimaria Ataides da Costa, reconheceu que o ciclo de formação não atendeu às necessidades da educação e apresentou algumas das ações realizadas pelo Executivo em prol do desenvolvimento do ensino, como a criação de diretorias regionais em 15 polos do estado e a realização do programa Alfabetiza MT, cujo objetivo é garantir a alfabetização das crianças até o 2º ano do ensino fundamental.

A gestora informou ainda que o governo realizará uma avaliação dos alunos do segundo ano em outubro e outra nas escolas da rede municipal, na primeira quinzena de dezembro, para aferir as condições de aprendizagem dos estudantes.

O presidente do Conselho Estadual de Educação, Gelson Menegatti Filho, ressaltou a importância da qualificação dos profissionais da educação e de um bom gerenciamento das unidades escolares. Edemar Kamchen, coordenador da União Nacional dos Conselhos Municipais de Educação (UNCME), destacou o envolvimento de líderes políticos, gestores e toda a comunidade, bem como a adoção de uma gestão democrática, como fatores essenciais para a melhoria da qualidade da educação.

A presidente da União Estadual dos Estudantes de Mato Grosso (UEEMT), Giovanna Bezerra, apontou a necessidade de reduzir os índices de evasão escolar na educação básica e garantir mais estrutura e acesso à internet de qualidade para estudantes do campo, quilombolas e residentes de territórios indígenas. Para Eduardo Ferreira da Silva, presidente da União dos Dirigentes Municipais de Educação (Undime), o problema não é o ensino ciclado, e sim a forma como ele foi implementado.

O coordenador da Associação Nacional pela Formação dos Profissionais da Educação (ANFOPE), Kilwangy Kya Kapitango-a-Samba, afirmou que a ausência de políticas públicas de continuidade constitui o principal entrave para a melhoria da qualidade do ensino público. Valdeir Pereira, presidente do Sindicato dos Trabalhadores no Ensino Público (Sintep), defendeu que o estado foque suas ações em “desafogar as redes municipais” e reforçou a necessidade da implantação de uma política de estado, e não de governo.

Cronograma – Visitas a outros estados e municípios também estão previstas no cronograma de ação da Comissão de Educação, segundo o deputado Wilson Santos. “Onde houver experiências exitosas que qualificam a educação e aumentam a aprendizagem do aluno da rede pública, nós vamos buscar essa experiência”, frisou.

Também participaram da reunião Guelda Andrade e Maria Luiza Zanirato, membros do Sintep, e os deputados Valdir Barranco (PT), Gilberto Cattani (PSL) e Dr. João (MDB).

Rebeca Moraeshttps://www.cenariomt.com.br
Redatora do portal CenárioMT, escreve diariamente as principais notícias que movimentam o cotidiano das cidades de Mato Grosso.

Redes sociais

107,324FãsCurtir
17,057SeguidoresSeguir
2,035SeguidoresSeguir

Lucas do Rio Verde

Lucas do Rio Verde
Espaço para atendimento à mulher, criança, adolescente e idoso é inaugurado na Delegacia de Lucas do Rio Verde
setembro 16, 2021
Lucas do Rio Verde
Esporte inicia recuperação de gramado no campo do Jaime Seiti Fujii
setembro 16, 2021
SEGURANÇA PÚBLICA
Executivo consegue apoio para ampliar estrutura da Polícia Civil em Lucas do Rio Verde
setembro 16, 2021
SE DEU MAL
Em ação rápida, Guarda Municipal frustra roubo a residência de Lucas do Rio Verde
setembro 16, 2021