Cirurgias eletivas e internações na UTI por meio do SUS são retomadas no Hospital Geral após 11 dias suspensas em Cuiabá

0
Foto: Google Maps

As cirurgias eletivas e internações na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Geral e Maternidade de Cuiabá, por meio do Sistema Único de Saúde (SUS), voltaram a funcionar normalmente nessa terça-feira (10), segundo a direção do hospital.

Desde o dia 29 de novembro a unidade de saúde estava prestando apenas atendimentos de urgência e emergência.

Já os serviços de cirurgias e internações pelo SUS haviam sido suspensas. De acordo com a unidade de saúde, a medida foi tomada por falta de repasses da Secretaria Municipal de Saúde.

À época a Secretaria Municipal de Saúde (SMS) informou que estava revendo os contratos de serviços com os hospitais filantrópicos e que uma análise estava sendo feita para saber quais serviços estavam, efetivamente, sendo realizados, pois existia indícios de baixa produtividade por parte do hospital.

O hospital afirmou que a secretaria já repassou R$ 416 mil referentes ao incentivo da Cardiologia de julho e agosto deste ano.

Também foram repassados pelo Fundo Nacional de Saúde (FNS) R$ 3,6 milhões que estava em aberto desde setembro.

“Diante dos valores devidamente repassados pela SMS, o Hospital informa, com alegria, que desde ontem voltou a receber novos pacientes nos leitos de UTI e já está procedendo ao reagendamento dos procedimentos eletivos”, disse a direção em nota.

Apesar disso, o hospital afirmou que ainda aguarda o repasse do Incentivo Municipal de UTI no valor de R$ 854 mil em aberto desde dezembro de 2018 e outro repasse de emenda parlamentar de R$ 935 mil.

Leia também: Previsões para o horóscopo do dia de hoje (05/08/2020)


Amazonia 03 de Junho