11.9 C
Lucas do Rio Verde
sexta-feira, 30 julho, 2021
InícioMATO GROSSOAssistência Social debate ações para o combate ao trabalho infantil

Assistência Social debate ações para o combate ao trabalho infantil

Por CENÁRIOMT

A Secretaria de Assistência Social, Trabalho e Habitação, por meio da Coordenação da Proteção Social Especial, no último dia 10, uma reunião interna entre conselheiros tutelares, equipe do Centro de Referência Especializado de Assistência Social (CREAS) e Ministério Público do Trabalho de Mato Grosso (MPT), voltada à articulação, capacitação e planejamento de ações sistemáticas para o combate ao trabalho infantil celebrada neste sábado, dia 12.

Durante a reunião, servidores da Assistência Social e conselheiros tutelares receberam orientações da procuradora do MPT-MT, doutora Helena Duarte Romera. Ela destacou a importância do trabalho desenvolvido pelo município na busca por articulações ao combate deste tipo de violação de direitos. “Erradicar o trabalho infantil é muito desafiador, e a gente só consegue realizar esse trabalho através da articulação em rede”, disse ela pontuando que “esse ano foi colocado pela OIT e pela ONU (Organização das Nações Unidas) para que todos os países do mundo tentem ainda mais colocar esforços para a erradicação do trabalho infantil”.

Segundo o Ministério da Cidadania do Governo Federal, o Brasil apresentou queda de 16,8% em relação ao trabalho infantil no país entre os anos de 2016 e 2019. Os dados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (PNAD) contínua, divulgada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) apontam que no período, o percentual de crianças e adolescentes trabalhadores reduziu de 5,3% para 4,6%.

Durante sua fala, a coordenadora da Proteção Social Especial, Marilene Pereira, ressaltou que “o trabalho infantil, a gente combate com sensibilização e substituição”. Ela explica que “se essa criança estiver na condição de vulnerabilidade social, nós precisamos substituir por políticas públicas[…] então nos organizamos para qual serviço público vamos ofertar para que ela não precise trabalhar e possa ir para a escola, brincar e viver plenamente a sua fase de pessoa em desenvolvimento”.

No município de Sinop, a Secretaria Municipal de Assistência Social, Trabalho e Habitação, como componente de Sistema de Garantia de Direitos (SDG) desenvolve programas oferecidos desde a primeira-infância até a adolescência dos jovens, para que eles tenham oportunidades iguais.

Além de realizar o acompanhamento de crianças por meio dos Centros de Referência de Assistência Social (Cras) com ações preferencialmente de prevenção e no Centro de Referência Especial de Assistência Social (Creas) quando há situação de violação de direitos, ou seja, identificado que a criança e adolescente está em situação de trabalho infantil. Para denúncias deste tipo de violação de direitos, disque 100 ou procure o Conselho Tutelar de Sinop, através do atendimento 24 horas por dia pelo telefone de plantão.

“Neste ano, a Assistência Social decidiu, não somente a realização de campanha externa sobre o assunto, mas também o debate afundo da temática para o atendimento nesse caso de violação de direitos. A reunião foi pensada para a articulação e encaminhamento no atendimento social, em especial no caso de trabalho infantil”, disse a gestora da pasta, Scheila Pedroso, acrescentando que “toda criança e adolescente deve viver seu período de crescimento e amadurecimento de forma saudável”.

O dia 12 de junho foi instituído como o Dia Mundial Contra o Trabalho Infantil pela Organização Internacional do Trabalho (OIT) em 2002 na apresentação do primeiro relatório global sobre o trabalho infantil, na Conferência do Trabalho. No Brasil, a data ficou definida como o Dia Nacional de Combate ao Trabalho Infantil, através da Lei N° 11.542 de 2007. A campanha é conhecida pelo seu símbolo, um cata-vento de cinco pontas coloridas, representando de forma lúdica o movimento e a sinergia para a realização de ações permanentes.

O Conselho Tutelar atende através do número (66) 99984-8156.

Rebeca Moraeshttps://www.cenariomt.com.br
Redatora do portal CenárioMT, escreve diariamente as principais notícias que movimentam o cotidiano das cidades de Mato Grosso.
- Publicidade -

Lucas do Rio Verde

VACINAÇÃO CONTRA COVID-19
“Vão ter que esclarecer no MP”, diz secretária sobre pessoas que tomaram dose extra de vacina em Lucas
julho 29, 2021
SAÚDE
Lucas do Rio Verde volta registrar óbito em decorrência da Covid-19
julho 29, 2021