76% dos casos confirmados de Covid-19 em Mato Grosso são de municípios do interior

Dados do Ministério da Saúde confirmam interiorização da Covid-19 em Mato Grosso

0

Boletim Epidemiológico da Covid-19, divulgado pelo Ministério da Saúde aponta que a região metropolitana de Mato Grosso corresponde a 24% dos casos confirmados de Covid-19 no estado, enquanto o interior representa 76% do total de infectados pelo novo coronavírus. Os dados são relativos à Semana Epidemiológica 27, que foi de 28 de junho a 4 de julho de 2020.

Conforme dados da Secretaria de Vigilância em Saúde do Ministério da Saúde, na Semana Epidemiológica 13 (que foi o período entre 22 a 28 de março), a região metropolitana representava 77% dos casos confirmados de Covid-19 no estado, enquanto o interior tinha 23% dos casos. Essa relação comparativa foi se equilibrando ao longo das Semanas Epidemiológicas 15 a 19.

A partir da Semana Epidemiológica 20 (de 10 a 16 de maio), a balança começou a pender mais para o interior, com 63% dos casos confirmados da doença. Desde então, a proporção só vem aumentando, chegando atualmente ao patamar de 76%. (Confira dados completos na tabela)

O balanço confirma aquilo que o prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro, vem afirmando há semanas. “A interiorização do vírus aqui em Mato Grosso eu já vinha anunciando há muito tempo. Há uma desestruturação do sistema de saúde no interior do estado. Não se preparou leitos de UTI exclusivos para Covid-19 no interior do estado e a população migra desesperadamente para a capital, que é o sustentáculo da saúde de todo o estado de Mato Grosso. E com essa desestruturação no interior, o vírus vem interiorizando com uma força e uma velocidade muito grande”, disse Pinheiro em entrevista à emissora de TV CNN Brasil, nesta sexta-feira (10).

Se observada a distribuição dos óbitos acumulados por Covid-19 entre a região metropolitana e interior, também temos o cenário mais grave no interior de Mato Grosso, com 70% das mortes.

Conforme o prefeito Emanuel Pinheiro, a redução da participação de Cuiabá no número de casos e mortes por Covid-19 no estado ocorre devido a todas as medidas que foram tomadas pela gestão, como a criação de 95 leitos exclusivos para Covid-19, tanto no Hospital Referência quando no Hospital São Benedito, com a previsão de aumento de leitos na próxima semana, além de uma série de decretos com medidas emergenciais e temporárias de prevenção ao contágio pelo novo coronavírus, como a quarentena coletiva obrigatória, o toque de recolher, entre outros. “Com todas as medidas que tomamos Cuiabá, caiu hoje para 24% do total de casos confirmados no estado. Só nos 95 leitos exclusivos de Covid-19 que a Prefeitura disponibiliza para a população cuiabana e mato-grossense, 60% são do interior do estado e 40% de Cuiabá”, destaca.

 

Leia também: Previsões para o horóscopo do dia de hoje (08/08/2020)


Amazonia 03 de Junho