25.6 C
Lucas do Rio Verde
quarta-feira, 19 janeiro, 2022
Publicidade
InícioESPORTESFerroviária perde semi e adia sonho do tri na Libertadores Feminina

Ferroviária perde semi e adia sonho do tri na Libertadores Feminina

Atuais campeãs, Guerreiras Grenás perderam a vaga na final para o Santa Fe, da Colômbia. Decisão do título será com vencedora da outra semi (Corinthians x Nacional, do Uruguai).
Por Lincoln Chaves - Repórter da TV Brasil e Rádio Nacional - São Paulo

O filme de 2020 se repetiu na Libertadores Feminina de 2021: um time colombiano eliminando o brasileiro detentor do título na semifinal, frustrando o sonho de um tricampeonato. Nesta segunda-feira (15), a vítima foi a Ferroviária, atual campeã sul-americana, derrotada pelo Independiente Santa Fe (Colômbia) por 4 a 2, nos pênaltis, após o empate por 1 a 1 no tempo normal, no estádio Manuel Ferreira, em Assunção (Paraguai).


--Continua depois da publicidade--

Na edição anterior, quem viveu trajetória semelhante foi o Corinthians. Campeão em 2019, o Timão caiu para o América de Cali (Colômbia), também nas penalidades. A goleira do time colombiano foi a mesma nos dois revezes brasileiros: Katherine Tapia.

A decisão será neste domingo (21), às 20h (horário de Brasília), no Parque Central, em Montevidéu (Uruguai). O Santa Fe espera o vencedor do confronto entre Corinthians e Nacional (Uruguai), que jogam terça-feira (16), às 17h30, no Manuel Ferreira. O perdedor encara as Guerreiras Grenás na sexta-feira (18), às 17h30, no estádio Arsenio Erico, em Assunção.

Apesar de mais presença ofensiva, a Ferroviária pouco incomodou a meta do Santa Fe. Aos 13 minutos, a meia Patrícia Sochor conduziu a bola na intermediária e arriscou de fora da área, forçando Tapia a se esticar no canto esquerdo para evitar o gol.


--Continua depois da publicidade--

As colombianas se soltaram mais pouco antes do intervalo e conseguiram sair na frente. Aos 40, Liana Salazar foi derrubada na área pela volante Luana. A também meia Gisela Robledo cobrou e abriu o marcador, que quase foi ampliado nos acréscimos, em chute cruzado da meia Fany Gauto, na área, que a goleira Luciana salvou.

Na etapa final, as Guerreiras Grenás tentaram recuperar a imposição no ataque, por vezes de maneira desordenada, cedendo espaços para contra-ataques. Quando a partida parecia mais controlada pelo Santa Fe, as paulistas empataram em um golaço de Rafa Mineira. Aos 30 minutos, a meia cobrou falta com perfeição, no ângulo.

As colombianas tiveram a chance de responder cinco minutos depois, mas Luciana, frente a frente com Robledo, fez grande defesa. Aos 41, foi a vez de Tapia brilhar, espalmando, com a ponta dos dedos, uma batida colocada da atacante Raquel. Nos minutos finais, as equipes pouco se ameaçaram, levando o duelo para os pênaltis.

Ambas as equipes acertaram as duas primeiras batidas. Na terceira série, Robledo marcou para o Santa Fe e a lateral Monalisa teve o chute defendido por Tapia. A atacante Diana Celis fez o quarto das colombianas, obrigando Raquel a converter a cobrança para manter a Ferroviária viva, mas a brasileira acertou a trave, decretando o fim do sonho do tricampeonato das Guerreiras Grenás.

Gustavo Praiadohttps://www.cenariomt.com.br
Atualmente, trabalha na equipe do portal CenárioMT, produzindo conteúdo sobre economia, esportes e direitos da população brasileira, gosta de assistir séries, filmes de ação e de videogames. Editor também em conteúdos regionais, sempre atento as tendências que o internauta procura para ficar bem informado.

Publicidade

Redes sociais

107,353FãsCurtir
17,057SeguidoresSeguir
2,122SeguidoresSeguir

Lucas do Rio Verde

Reforma no estádio 
Arquibancadas metálicas do Estádio Municipal Passo das Emas são removidas para reforma
janeiro 19, 2022
COVID-19
Secretaria de Saúde confirma 126 casos nas últimas 24h em Lucas do Rio Verde
janeiro 19, 2022
HOMICÍDIO
Corpo de jovem é encontrado enterrado em mata em Lucas do Rio Verde
janeiro 19, 2022
POLÍCIA
Pai é detido por ameaçar filhas com facão em Lucas do Rio Verde
janeiro 19, 2022