31.2 C
Lucas do Rio Verde
quarta-feira, 02 dezembro, 2020
Início ESPORTES Amistosos de seleções femininas de Brasil e Argentina são adiados

Amistosos de seleções femininas de Brasil e Argentina são adiados

Em pedido de adiamento feito à CBF, a Associação de Futebol Argentino (AFA) justificou que nove das 21 atletas convocadas atua no Velho Continente.
Por Lincoln Chaves - Repórter da TV Brasil e Rádio Nacional - São Paulo

Os amistosos entre as seleções femininas de Brasil e Argentina, marcados para 27 de novembro e 1º de dezembro, em São Paulo, foram adiados a pedido da Associação de Futebol do país vizinho (AFA). Segundo um comunicado da entidade, os jogos “foram remarcados para ano que vem, na expectativa de que o contexto sanitário permita a retomada da agenda de compromissos da seleção”.

O avanço da pandemia do novo coronavírus (covid-19) na Europa é o motivo do pedido de adiamento. A nota oficial da AFA afirma que “a maioria das futebolistas convocadas pelo técnico Carlos Borrello” atua no Velho Continente. Nove das 21 chamadas pela seleção argentina jogam no futebol europeu. “Pelo contexto, somado à falta de garantias quanto à volta [das atletas] a seus clubes de origem, a federação decidiu priorizar a saúde. Agradecemos a predisposição da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) e trabalharemos para o breve regresso aos gramados”, conclui a nota.

Os jogos contra a Argentina eram a última oportunidade da seleção feminina ir a campo em 2020. Devido à pandemia, a equipe comandada por Pia Sundhage não joga desde março, quando disputou um torneio na França contra Holanda, Canadá e as anfitriãs. De lá para cá, a sueca realizou duas convocações para períodos de treinamento: uma em setembro – com jogadoras que atuam no Brasil, na Granja Comary, em Teresópolis (RJ) – e outra em outubro – com atletas de clubes europeus, chineses e norte-americanos.

Pia havia convocado 25 atletas (12 de times brasileiros e 13 do exterior) para os amistosos com as argentinas, que seriam disputados na Neo Química Arena e no Morumbi. A lista teve quatro novidades: as meias Duda, Júlia Bianchi (ambas do Avaí/Kindermann) e Ana Vitória (do Benfica, de Portugal) e a atacante Jaqueline, do São Paulo. O Corinthians foi o clube com mais representantes na lista: cinco.



Gustavo Praiadohttps://www.cenariomt.com.br
Gosta de economia, assistir séries, filmes de ação e gosta de videogames. Editor no CenárioMT nos cadernos de Economia e Mundo, mas nem por isso deixa uma notícia regional em branco, sempre atento as tendências que o internauta procura para ficar bem informado.
- Publicidade -

Últimas

Secretário de Saúde é avaliado por equipe médica especializada; reinfecção não é confirmada

O Governo de Mato Grosso esclarece que o secretário estadual de Saúde, Gilberto Figueiredo, está sendo avaliado por uma equipe médica especializada e que,...

Mato Grosso registra nove mortes e 814 novos casos da Covid-19

A Secretaria de Estado de Saúde (SES-MT) notificou, até a tarde desta quarta-feira (02.12), 160.540 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, foram registrados...

Idosos casados há 57 anos morrem de Covid-19 no mesmo dia em São Paulo

Um casal de idosos que estava juntos há 57 anos morreu com Covid-19 em Taubaté (SP). Eles estavam internados há 15 dias com a...

Lucas do Rio Verde oferta seis vagas para residência médica em Medicina da Família e Comunidade

Está disponível no site da Prefeitura de Lucas do Rio Verde o edital do processo de seleção para o Programa de Residência Médica em...
Publicidade
x