22.8 C
Lucas do Rio Verde
quinta-feira, 03 dezembro, 2020
Início CENÁRIO POLÍTICO GOV-MT Governo de MT lamenta morte do fotojornalista Lenine Martins

Governo de MT lamenta morte do fotojornalista Lenine Martins

O comandante geral da Polícia Militar coronel Jonildo José de Assis, admirador do trabalho de Lenine, com quem trabalhou na Sesp, lamenta a morte e presta condolências aos familiares
Por Redação CenárioMT

O Governo de Mato Grosso lamenta o falecimento do fotojornalista Lenine Martins de Oliveira nesta sexta-feira (23.10), vítima da Covid-19. Ele tinha 64 anos e estava internado em uma Unidade de Terapia Intensiva (UTI) por complicações da doença desde o início de outubro.

Lenine era servidor efetivo e atuou por 41 anos na Secretaria de Comunicação. Mesmo após a aposentadoria continuou fotografando e permaneceu no Estado como funcionário comissionado entre os anos de 2014 a 2019.

Ele começou a trabalhar para o governo na gestão de José Fragelli, entre os anos de 1971 e 1975. Na época, um funcionário da assessoria de imprensa do então governador. Tornou-se fotógrafo no governo de Frederico Campos, entre 1979 e 1983.

O secretário-chefe da Casa Civil, Mauro Carvalho, lamentou a morte do fotógrafo e externou condolências à família e amigos. “Foi um funcionário que dedicou sua vida a servir ao Estado. O trabalho de Lenine, está registrado na história da fotografia de Mato Grosso. Que Deus dê forças aos familiares e amigos e abençoe a todos neste momento difícil”.

A secretária adjunta de Comunicação, Laice Souza, lembrou dos tempos em que trabalhou com o fotógrafo. “Tive o prazer de trabalhar com Lenine. Um profissional que amava o que fazia e um ser humano incrível. Fará muita falta. Meus profundos sentimentos à família”.

O repórter fotográfico Mayke Toscano fez questão de destacar ter aprendido muito com Lenine. “Perco um grande amigo, que conheci no início da minha carreira. Lenine, o fotógrafo que trabalhou por mais tempo na Secom, 40 anos de história. Aprendi muito com ele”.

A assessora de imprensa da Secretaria de Segurança Pública, Débora Siqueira, contou ter trabalhado com Lenine entre os anos de 2016 e 2018. “Sempre foi muito respeitado, sempre disposto para fotografar operações, o que fazia dele um cara muito querido pelas forças policiais”.

Os familiares e amigos de Lenine Martins farão uma carreata, às 16h, com ponto de encontro em frente ao Hospital Jardim Cuiabá, até o cemitério Parque Bom Jesus de Cuiabá, no bairro Parque Cuiabá.



© CenárioMThttps://www.cenariomt.com.br
CenárioMT - Publicamos notícias diariamente no portal!
- Publicidade -

Últimas

Judiciário de Mato Grosso marca mais de 3 mil audiências virtuais

Até sexta-feira (04 de dezembro) o Judiciário mato-grossense agendou mais de 3.300 audiências virtuais e presenciais durante a 15ª Semana Nacional da Conciliação. Esse...

Institutos de pesquisa “quebraram a cara” em 2020, diz site

Que as pesquisas eleitorais estão cada dia com menos credibilidade isso é certo. Os eleitores não confiam mais em pesquisas que os candidatos, A,...

França trabalha para não depender mais da soja brasileira

Segundo a revista Veja, o presidente Emmanuel Macron, da França, prometeu à sua nação a independência da soja brasileira. Mato Grosso mantém desmatamento sob...

Libertadores: Internacional é derrotado em casa pelo Boca Juniors

Internacional e Boca Juniors se enfrentaram na noite de hoje, quarta-feira, 02 em jogo de ida pela Taça Libertadores 2020. Libertadores: Palmeiras “mete” 5...
Publicidade
x