20.8 C
Lucas do Rio Verde
segunda-feira, 16 maio, 2022
Publicidade
InícioCENÁRIO POLÍTICODIRETO DE BRASÍLIAProposta altera piso salarial de professores a pedido de prefeitos

Proposta altera piso salarial de professores a pedido de prefeitos

Texto inclui vantagens pecuniárias, pagas a qualquer título, no piso do magistério
Redaçao CenarioMT com inf. Ag. Câmara

O Projeto de Lei 2075/21 altera as regras do piso salarial dos professores da educação básica. Como mudança foram sugeridas pela Confederação Nacional dos Municípios (CNM), segundo o autor da proposta, deputado Hildo Rocha (MDB-MA) .

A proposta de alteração da Lei 11.738/08 para determinar que o piso será equivalente à remuneração, ou seja, compreenderá todas as vantagens pecuniárias, pagas a qualquer título de magistério público básico.


--Continua depois da publicidade--

O objetivo é evitar que o valor vire um indexador das variações remuneratórias e gratificações. “Se complementar por progressão na execução do servidor atingir ou o valor, fornecerá o valor, a ser pago”, explica o autor.

Além disso, o texto define que o piso corresponde à jornada de trabalho com, no máximo, 40 horas semanais, com valor proporcional às demais jornadas de trabalho dos profissionais do magistério público da educação básica.

O texto determinação real que limita em 23/23 a carga horária para o desempenho das atividades de interação com os alunos. “Esse dispositivo legal é replicado, inclusive ações, quanto à base de cálculo daquelas 2/3 minutos ou a duração da hora-aula que variada entre as horas-aula variada como redes de ensino”, justificou Hil Rocha.

Outra limitação de conceito de magistério, ou seja, aquele que faz jus à administração, ou seja, aqueles que executam funções de educação, educação ou seja, profissionalização ou seja, planejamento pedagógico à administração, planejamentore orientação, orientação, educação, educação, ao planejamento (profissionalidade) no âmbito das unidades escolares de educação básica),


--Continua depois da publicidade--

Ajustes
previstos como critério para atualização anual do valor do piso nacional do magistério para o projeto de acumulação do Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC) nos 12 meses anteriores à data do reajuste.

E definir que, a partir de 2023, uma atualização anual do valor do piso será realizada no mês de maio. “Segundo a Confederação Nacional de Municípios, ou reajuste da remuneração da maioria dos servidores municipais neste mês”, explicada.

Publicidade


Publicidade

Lucas do Rio Verde

RESPONSABILIDADE NO TRÂNSITO
Prefeitura de Lucas do Rio Verde divulga sequência de ações programadas para o Maio Amarelo
maio 16, 2022
JETON DE PRESENÇA
Câmara reprova projeto que criava remuneração a membros de comissão e conselhos do Previlucas
maio 16, 2022
Lucas do Rio Verde
Assistência Social e Senac concluem mais quatro capacitações para população luverdenses
maio 16, 2022
ACIDENTE NO TRÂNSITO
Jovem morre após grave acidente em Lucas do Rio Verde
maio 16, 2022