36.8 C
Lucas do Rio Verde
segunda-feira, 20 setembro, 2021
InícioCENÁRIO POLÍTICODIRETO DE BRASÍLIAProjetos estratégicos da área da Sudam e da Sudene terão duração igual...

Projetos estratégicos da área da Sudam e da Sudene terão duração igual à da ZFM

A Comissão de Desenvolvimento Regional aprovou Projeto de Lei que amplia o prazo para aprovação e acaba com a necessidade de renovação periódica de incentivos para projetos nas áreas de atuação da Sudam e da Sudene
Por CenárioMT com inf. Agência Senado

A Comissão de Desenvolvimento Regional (CDR) aprovou, nesta segunda-feira (16), o Projeto de Lei do Senado (PLS) 281/2018, que amplia o prazo para aprovação e acaba com a necessidade de renovação periódica de incentivos para projetos nas áreas de atuação da Superintendência do Desenvolvimento da Amazônia (Sudam) e da Superintendência do Desenvolvimento do Nordeste (Sudene).

A proposta do autor, senador Fernando Bezerra Coelho (MDB-PE), é de que o prazo atual não seja renovado a cada cinco anos, como vinha ocorrendo, mas sim que possa perdurar enquanto existir a Zona Franca de Manaus. Os projetos de que trata o texto, em setores considerados prioritários para o desenvolvimento regional, contam com redução de 75% do imposto sobre a renda ou com a opção de reinvestimento, até o percentual de 30%. O prazo terminaria em dezembro de 2023. 


--Continua depois da publicidade--

No relatório pela aprovação do projeto, o senador Zequinha Marinho (PSC-PA), afirmou que a mudança é importante para dar segurança aos empresários, que podem levar anos para recuperar o valor investido.

— Do ponto de vista da contribuição ao desenvolvimento regional, a proposição apresenta solução viável para a definição de um horizonte ampliado de vigência dos incentivos de que trata, de modo a estimular investimentos de longo prazo nas regiões beneficiadas, devendo merecer o nosso apoio à sua aprovação.

O projeto segue para Comissão de Assuntos Econômicos (CAE), onde será analisado em decisão terminativa.

Requerimentos

Na mesma reunião, a CDR aprovou requerimentos para audiência pública sobre a gestão associada de serviços públicos por meio de consórcios públicos. Também foi aprovado requerimentos para audiência pública com o Secretário de Coordenação e Governança do Patrimônio da União (SPU), Mauro Benedito de Santana Filho. Além de apresentar as ações da Secretaria para os próximos dois anos, ele deve falar sobre o  Programa SPU+, que pretende arrecadar R$ 110 bilhões com a venda e concessão de imóveis da União.


--Continua depois da publicidade--

Redes sociais

107,334FãsCurtir
17,057SeguidoresSeguir
2,038SeguidoresSeguir

Lucas do Rio Verde

Lucas do Rio Verde
Covid-19: Confira quem está sendo vacinado em Lucas do Rio Verde nesta semana
setembro 20, 2021
PRIMEIRA DOSE
Luverdenses de 19 anos completos ou mais são convocados para vacinação contra a Covid-19
setembro 20, 2021
Projeto FotoArte II
Projeto Foto Arte II promove circuito cultural em Lucas do Rio Verde (MT)
setembro 20, 2021
COLISÃO NO BANDEIRANTES
Agente da Guarda passa mal, perde direção de veículo e bate em pick-up em Lucas do Rio Verde
setembro 20, 2021