29.1 C
Lucas do Rio Verde
domingo, 22 maio, 2022
Publicidade
InícioCENÁRIO POLÍTICODIRETO DE BRASÍLIAPresidente do Senado discute soluções para assegurar nível de água em Furnas...

Presidente do Senado discute soluções para assegurar nível de água em Furnas e Peixoto

Preocupado com a chegada da estação seca, o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (PSD-MG), reuniu-se com presidentes e diretores da Agência Nacional das Águas (ANA), do Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS), da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) e da Usina Hidrelétrica de Furnas para discutir medidas que garantam o atual volume de água dos reservatórios de Furnas e Peixoto, no Sudoeste de Minas Gerais. O encontro foi no Senado, nesta segunda-feira (9), e contou também com representantes do Ministério de Minas e Energia. 

Segundo Pacheco, a realidade atual é positiva e a intenção é pelo menos manter o cenário no período de estiagem nesses próximos meses. Furnas, por exemplo, conhecida como Mar de Minas, está com 85% de sua capacidade preenchida, depois de um longo período com nível considerado abaixo do ideal. 


--Continua depois da publicidade--

— Agora temos um desafio, pois começa o período de estiagem e temos que manter os reservatórios como estão. Evidentemente pode haver decréscimo por conta da falta de chuva, mas nada comparado ao que vimos em anos anteriores, marcados por uma escassez absoluta — avaliou. 

Conforme o presidente do Senado, o bom cenário hídrico de hoje só foi possível graças à mobilização da sociedade, dos municípios e da classe política, que se uniram em busca da solução de problemas. Ainda segundo ele, a reunião desta segunda-feira foi proveitosa, e o diálogo com as instituições vai continuar. 

— Toda a mobilização significou um resultado extremamente positivo; mas há muito que ser feito ainda e continuaremos vigilantes no Senado. Vamos prosseguir nesse trabalho conjunto para de fato demonstrar que a politica feita com união e dialogo é algo positivo e que gera os melhores resultados para a população — afirmou. 

O parlamentar destacou ainda ações consideradas importantes para que seja garantido o uso múltiplo das águas de Furnas, como a aquisição de 13 novas balsas para melhorar a navegação no reservatório e a reserva de R$ 230 milhões por ano, derivados da contrapartida da capitalização da Eletrobras para a preservação ambiental dos sistemas de Furnas e Peixoto. Os recursos foram garantidos a partir de uma emenda apresentada por Rodrigo Pacheco a uma medida provisória sobre a capitalização da Eletrobras.


--Continua depois da publicidade--

Hidrovia do Tietê 

Outro assunto abordado na reunião foi a execução de uma obra no Pedral de Nova Avanhandava, em São Paulo, que vai aliviar a exigência de água do Sistema de Furnas para a hidrovia do Rio Tietê.

 É uma obra que também está no radar do Dnit [Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes] e que vamos buscar garantir. É mais um ingrediente que vai ajudar na perenização de nossa água nos sistemas de Furnas e de Peixoto — avaliou o senador. 

Publicidade


Publicidade

Lucas do Rio Verde

Mato Grosso
Polícia prende homem por agredir esposa gestante e enteada menor de idade em Lucas do Rio Verde
maio 22, 2022
Mato Grosso
Polícia realiza palestras para professores e comunidade escolar de Lucas do Rio Verde
maio 22, 2022
TRÂNSITO
Motorista perde controle de veículo e bate em carreta parada em Lucas do Rio Verde
maio 21, 2022
TRÁFICO DE DROGAS
Policiais militares apreendem mais de 19 quilos de entorpecente em Lucas do Rio Verde
maio 21, 2022