30.2 C
Lucas do Rio Verde
sexta-feira, 17 setembro, 2021
InícioCENÁRIO POLÍTICODIRETO DE BRASÍLIAImportância da Fundação Cultural Palmares será debatida nesta quinta-feira

Importância da Fundação Cultural Palmares será debatida nesta quinta-feira

Paulo Paim é autor do requerimento para a audiência
Por CenárioMT com inf. Agência Senado

Ao recém-completar 33 anos de existência, a Fundação Cultural Palmares — primeira instituição pública voltada para promoção e preservação dos valores culturais, históricos, sociais e econômicos decorrentes da influência da população negra no país — é tema de audiência pública da Comissão de Direitos Humanos e Legislação Participativa (CDH), nesta quinta-feira (2), às 10h.

Requerida pelo senador Paulo Paim (PT-RS), a audiência preconiza debater a importância da instituição, seu legado e a sua atual situação.


--Continua depois da publicidade--

— Vamos debater e fortalecer a importância da instituição e do seu legado, para o Brasil, pois não é apenas a população negra que perde com a sua desconstrução, e sim todo o nosso povo — justifica Paim.

Instituída em 22 de agosto de 1988, a Fundação tem trabalhado, segundo o senador, para “promover uma política cultural igualitária e inclusiva, que contribua para a valorização da história e das manifestações culturais e artísticas negras brasileiras como patrimônios nacionais”.

Entre suas atribuições estão a de promover e apoiar o intercâmbio com outros países; implementar políticas públicas para dinamizar a participação dos afrodescendentes no processo de desenvolvimento sociocultural brasileiro; promover a preservação do patrimônio cultural afro-brasileiro; assistir e acompanhar o Ministério do Desenvolvimento Agrário e o Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra), nas ações de regularização fundiária dos remanescentes das comunidades dos quilombos, assim como promover ações de inclusão e sustentabilidade e garantir assistência jurídica a esses grupos, entre outras.

Participam da audiência pública nesta quinta-feira:


--Continua depois da publicidade--
  • Eloi Ferreira Araújo – ministro da Igualdade Racial no governo do Presidente Lula e presidente da Fundação Cultural Palmares no governo de Dilma Rousseff
  • Carlos Alves Moura – advogado e ex-secretário-executivo da Comissão Brasileira Justiça e Paz. Implantou e presidiu a Fundação Cultural Palmares
  • Dulce Pereira – comunicadora Social e ex-diplomata. Presidiu a Fundação Cultural Palmares e a Comunidade de Países de Língua Portuguesa (CPLP)
  • Zulu Araújo – mestre em cultura e sociedade pela Universidade Federal da Bahia e ex-presidente da Fundação Cultural Palmares
  • Martinho da Vila – cantor, compositor, escritor, membro da Academia Carioca de Letras

Como participar

O evento será interativo: os cidadãos podem enviar perguntas e comentários pela telefone da Ouvidoria do Senado (0800 061 2211) ou pelo Portal e‑Cidadania, que podem ser lidos e respondidos pelos senadores e debatedores ao vivo. O Senado oferece uma declaração de participação, que pode ser usada como hora de atividade complementar em curso universitário, por exemplo. O Portal e‑Cidadania também recebe a opinião dos cidadãos sobre os projetos em tramitação no Senado, além de sugestões para novas leis.

Redes sociais

107,316FãsCurtir
17,057SeguidoresSeguir
2,035SeguidoresSeguir

Lucas do Rio Verde

Lucas do Rio Verde
Prefeitura de Lucas do Rio Verde publica novo decreto e atualiza medidas contra a Covid-19
setembro 17, 2021
CENSO
Prefeito diz que população de Lucas do Rio Verde é bem maior que a estimativa divulgada pelo IBGE
setembro 17, 2021
Vida Nova II
10 cadastros foram desclassificados nos últimos dias em Lucas do Rio Verde
setembro 17, 2021
Lucas do Rio Verde
Feirantes de Lucas do Rio Verde apresentam necessidades e Agricultura estuda parceria com Sebrae
setembro 17, 2021