29.3 C
Lucas do Rio Verde
quarta-feira, 28 julho, 2021
InícioCENÁRIO POLÍTICODIRETO DE BRASÍLIACPI foge do combate à corrupção ao rejeitar convocação de Gabas, diz...

CPI foge do combate à corrupção ao rejeitar convocação de Gabas, diz Girão

Por CenárioMT com inf. Agência Senado

Em pronunciamento, nesta quarta-feira (16), o senador Eduardo Girão (Podemos-CE) chamou de “fatídico” o resultado da votação da CPI da Pandemia que rejeitou, por 6 votos a 4, a convocação do secretário-executivo do Consórcio Nordeste, Carlos Eduardo Gabas. Para Girão, de todos os requerimentos que ele apresentou ao colegiado, esse era um dos mais importantes, pois seu objetivo é rastrear os desvios de recursos públicos destinados aos estados e municípios.

— O dr. Gabas foi ex-ministro do governo Dilma e é o atual diretor do Consórcio Nordeste. O que nós queríamos era que ele viesse aqui para se explicar, dando a ele amplo direito de defesa ao contraditório. Mas não deixaram; a blindagem é muito grande — afirmou.


--Continua depois da publicidade--

De acordo com Girão, são vários indícios que envolvem o consórcio e a empresa Hempcare, pela compra de 300 ventiladores clínicos de UTI, em valor aproximado de R$ 48 milhões, pagos antecipadamente. Os equipamentos seriam distribuídos a todos os estados nordestinos, mas, segundo o senador, nunca foram entregues.

— A sede da empresa fica num edifício residencial em São Paulo; nem escritório comercial eles têm. Essa compra que foi feita, com certeza, lesou a população do Nordeste e vidas podem ter sido perdidas por conta desses 300 respiradores que nunca chegaram. Nunca deveríamos aceitar, mas, em tempos de pandemia, desviar verba pública não é apenas corrupção: é assassinato — declarou.

- Publicidade -

Lucas do Rio Verde

CULTURA
Inscrições para oficina de hip-hop estão abertas na Secretaria de Cultura
julho 28, 2021
NOVA CHANCE
Prefeitura de Lucas é uma das 4 em MT que contratam mão de obra de recuperandos
julho 28, 2021