18.1 C
Lucas do Rio Verde
sexta-feira, 01 julho, 2022
Publicidade
InícioCENÁRIO POLÍTICODIRETO DE BRASÍLIAComissão de Agricultura vai analisar liberação de reservatórios em APPs

Comissão de Agricultura vai analisar liberação de reservatórios em APPs

Texto por

Com três projetos em pauta, a Comissão de Agricultura e Reforma Agrária (CRA) fará audiência deliberativa às 8h desta quinta-feira (19). Uma das propostas a serem analisadas é o Projeto de Lei (PL) 1.282/2019, do senador Luis Carlos Heinze (PP-RS), que libera a construção de reservatórios de água para projetos de irrigação em áreas de preservação permanente (APPs) à beira de rios. 

De acordo com o Código Florestal (Lei 12.651, de 2012), as faixas de terra que margeiam rios, tanto em áreas rurais quanto urbanas, são APPs e não podem sofrer intervenção na sua vegetação nativa, com exceção de algumas hipóteses. A proposição inclui entre essas hipóteses a instalação de infraestrutura para irrigação.


--Continua depois da publicidade--

Para o senador, a medida se justifica pelos ganhos de produtividade que levaria à agricultura brasileira sem a necessidade de expandir a área plantada.

O relator, Esperidião Amin (PP-SC), elaborou relatório a favor da proposta. Como tramita de forma terminativa na comissão, se passar pela CAE, o projeto pode ser enviado direto à Câmara, se não houver recurso para o Plenário. 

Marinha Mercante

O primeiro projeto da pauta é o PL 364/2016, do senador Alvaro Dias (Podemos-PR), para direcionar ao Programa de Ciência e Tecnologia para o Agronegócio o valor arrecadado com a incidência do Adicional de Frete da Marinha Mercante (AFRMM) na importação de fertilizantes.

Quando apresentou a proposta, o autor alegou que o AFRMM, fonte básica do Fundo de Marinha Mercante (FMM), arrecada aproximadamente R$ 2,5 bilhões anualmente, e o Brasil importa maior parte do fertilizantes que consome, causando grande impacto na agricultura. 


--Continua depois da publicidade--

“Verifica-se que os países que estão conseguindo destaque no campo do desenvolvimento econômico e social, aportam cada vez mais recursos em atividades de P&D em percentuais mais elevados que o Brasil. Salutar, portanto, para a sociedade brasileira, o fortalecimento da pesquisa e inovação tecnológica aplicada à agricultura”, alega. 

O relator é o senador Acir Gurgacz (PDT-RO), que ainda não concluiu seu voto. 

Reserva legal 

O último item da pauta é o PL 2.374/2020, do senador Irajá (PSD-TO), que altera o novo Código Florestal (Lei 12.651, de 2012), que trata da proteção da vegetação nativa, para permitir a regularização de imóvel com déficit de reserva legal, em razão de desmatamento, feito até 25 de maio de 2012, data de publicação do código. Atualmente, essa compensação é permitida apenas para áreas rurais consolidadas até 22 de julho de 2008.

A relatora é a senadora Soraya Thronicke (União-MS), que é a favor da iniciativa. O PL 2.374 também tramita de forma terminativa na CRA. 

Publicidade


Publicidade

Lucas do Rio Verde

Lucas do Rio Verde
Convênio firmado garante mais de R$ 2,5 mi para a agricultura familiar
junho 30, 2022
Lucas do Rio Verde
Sementes doadas para reflorestamento são plantadas pela Secretaria de Meio Ambiente
junho 30, 2022
Lucas do Rio Verde
Prefeito Miguel Vaz assina convênio com Estado para investimento de mais R$ 8 milhões em iluminação pública
junho 30, 2022
Lucas do Rio Verde
Lucas do Rio Verde é destaque em encontro sobre eficiência na gestão pública
junho 30, 2022