21.9 C
Lucas do Rio Verde
sexta-feira, 16 abril, 2021
InícioCENÁRIO POLÍTICOCaminhoneiros estão ansiosos para serem prioridade no plano de vacinação contra a...

Caminhoneiros estão ansiosos para serem prioridade no plano de vacinação contra a Covid-19

Por CenárioMT com inf. Agência Câmara de Notícias

A Câmara dos Deputados aprovou ontem, quarta-feira (31) o texto-base do Projeto de Lei 1011/20, que estabelece prioridade para 16 grupos dentro do plano de vacinação contra a Covid-19, entre eles os caminhoneiros.

O projeto quer dar prioridade a profissionais estratégicos para a sociedade brasileira, e caminhoneiros e profissionais do setor de transporte de cargas devem fazer parte dos novos grupos de prioridades.


--Continua depois da publicidade--

A próxima etapa agora é ser aprovado pelo Senado e em seguida seguirá para sanção do presidente.

Enquanto isso, os caminhoneiros continuam na sua rotina normalmente para garantir aos brasileiros o alimento em suas mesas, e aguardam ansiosos pela aprovação da lei que irá dar mais segurança aos profissionais.

Veja os grupos prioritários para vacina

Os grupos prioritários previstos pelo projeto em discussão na Câmara são:

  • pessoas com deficiência;
  • profissionais de saúde e funcionários que trabalham em ambiente hospitalar;
  • pessoas idosas;
  • pessoas com doenças crônicas e as que tiveram embolia pulmonar;
  • povos indígenas;
  • caminhoneiros e demais motoristas de transporte rodoviário de cargas;
  • trabalhadores de transporte coletivo rodoviário de passageiros;
  • trabalhadores de transporte aquaviário de cargas e passageiros;
  • agentes de segurança pública e privada, desde que estejam comprovadamente em atividade externa;
  • assistentes sociais e conselheiros tutelares que prestam atendimento ao público;
  • trabalhadores da educação do Ensino Básico em exercício nos ambientes escolares;
  • coveiros, atendentes e agentes funerários;
  • taxistas e os mototaxistas;
  • profissionais que trabalham em farmácias;
  • profissionais de limpeza pública;
  • oficiais de Justiça.

Celina Leão é a relatora da proposta


--Continua depois da publicidade--

Nós queríamos estar num país onde todos tivessem acesso à vacina. Só que este projeto parte da necessidade de termos pessoas que são prioritárias, estão na linha de frente da Covid-19”, disse Celina Leão.

Segundo informações obtidas junto a Câmara do Senado, a população prioritária estimada é de cerca de 77 milhões de pessoas.

“Com tantas prioridades, quem ficará de fora?”, questionou o deputado Marcel Van Hattem (Novo-RS). “Vamos agir com racionalidade, porque é melhor garantir que aja mais vacinas para todos”, disse, referindo-se ao PL 948/21, que permite a compra de vacinas pela iniciativa privada.

 


Gustavo Praiadohttps://www.cenariomt.com.br
Gosta de economia, assistir séries, filmes de ação e gosta de videogames. Editor no CenárioMT nos cadernos de Economia e Mundo, mas nem por isso deixa uma notícia regional em branco, sempre atento as tendências que o internauta procura para ficar bem informado.
- Publicidade -

Últimas no CenárioMT

Lucas do Rio Verde

NOVO DECRETO
Em vídeo, Miguel Vaz fala sobre novo decreto e pede atenção da sociedade para prevenção a covid-19
abril 15, 2021
GERAL
Moradora de Lucas do Rio Verde ganha R$ 10 mil no sorteio do Programa Nota MT
abril 15, 2021