22.7 C
Lucas do Rio Verde
sexta-feira, 04 dezembro, 2020
Início CENÁRIO POLÍTICO Câmara irá investigar prefeito de Cuiabá por suposto recebimento de propina

Câmara irá investigar prefeito de Cuiabá por suposto recebimento de propina

Retorno da CPI foi determinado judicialmente, após um ano e meio de interrupção
Por CenárioMT

Hoje prefeito de Cuiabá, que na época era deputado estadual foi flagrado recebendo “suposto” dinheiro de propina no gabinete do ex-governador Silval Barbosa.


CPI do Paletó – O presidente da Câmara de Vereadores de Cuiabá, Misael Galvão (PSB), definiu, na tarde de ontem, quinta-feira (3), os membros da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI), que deve investigar o prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro (MDB), por suposto recebimento de propina, quando era deputado estadual.

Na época, o ex-chefe de gabinete do ex-governador Silval Barbosa, Sílvio César Corrêa era o responsável por entregar a propina aos políticos. Algumas entregas de dinheiro vivo foram gravadas por uma câmera escondida, instalada no gabinete de Sílvio.

Os vereadores Toninho de Souza (PSD) e Sargento Joelson (PSC) são os novos componentes da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI), instaurada na Câmara Municipal de Cuiabá para investigar o prefeito Emanuel Pinheiro (MDB). Eles foram escolhidos durante reunião extraordinária do Colégio de Líderes realizada na tarde desta quinta-feira, dia 03.

Toninho responderá pela relatoria da CPI, enquanto Joelson será membro titular do grupo que permanece sob a presidência do vereador Marcelo Bussiki (PSB).

A definição foi feita no voto. Os vereadores Diego Guimarães (PP) e Felipe Wellaton (PV) também manifestaram interesse em fazer parte da Comissão, mas receberam o apoio de apenas dois líderes partidários, os vereadores Dilemário Alencar (PROS) e Wilson Kero Kero (PSL).

No total, o Legislativo Cuiabano possui 13 lideranças partidárias. Toninho e Joelsom receberam 10 votos. O vereador Drº Xavier, lidero do PTC, estava ausente.

Diante da definição, será publicado uma resolução com o nome dos novos componentes da Comissão no Diário Oficial de Contas. A partir de então, os trabalhos de investigação poderão ser recomeçados. Vale ressaltar que, o prazo de 120 dias volta a contar do zero.



© CenárioMThttps://www.cenariomt.com.br
CenárioMT - Publicamos notícias diariamente no portal!
- Publicidade -

Últimas

Homem que agrediu enteada de um ano é preso em flagrante pela Polícia Civil em Sinop

Policiais da Delegacia Especializada da Mulher, Criança e Idoso de Sinop (500 km ao norte de Cuiabá) prenderam em flagrante na tarde de quarta-feira...

Projeto de pesquisa da UFR selecionado pelo programa Papiro e classificado na 4ª Fecit, recebe prêmio nacional

O Programa Acelerador de Projetos Inovadores de Rondonópolis (PAPIRO), instituído pela atual administração municipal e coordenado pela Secretaria Municipal de Ciências e Tecnologia da Inovação, e seu Departamento...

Laço Branco exalta tratamento digno às mulheres com pedalada neste sábado

Subir na bike e empunhar a bandeira da não violência contra as mulheres e das relações afetivas harmônicas e equilibradas entre os sexos é...

Brasil tem mais de 40 mil casos de Covid por dia na média móvel

O consórcio de veículos de imprensa divulgou novo levantamento da situação da pandemia de coronavírus no Brasil a partir de dados das secretarias estaduais...
Publicidade