22 C
Lucas do Rio Verde
sexta-feira, 27 maio, 2022
Publicidade
InícioCENÁRIO POLÍTICOBolsonaro libera mais R$ 418 milhões para rodovias atingidas por chuvas

Bolsonaro libera mais R$ 418 milhões para rodovias atingidas por chuvas

Recursos serão utilizados em 14 estados. Ministério do Desenvolvimento Regional também receberá R$ 550 milhões para assistência às vítimas de enchentes.
Pedro Rafael Vilela - Repórter da Agência Brasil - Brasília

O presidente da República em exercício, Hamilton Mourão, editou medida provisória (MP) nesta quinta-feira (20) que abre crédito extraordinário no valor de R$ 418 milhões para o Ministério da Infraestrutura. Os recursos serão usados a recuperação de rodovias atingidas pelas chuvas em 14 estados: Acre, Amazonas, Bahia, Espírito Santo, Goiás, Maranhão, Minas Gerais, Mato Grosso, Pará, Piauí, Rio de Janeiro, Rondônia, São Paulo e Tocantins.

No fim de dezembro, o governo federal liberou R$ 200 milhões para a recuperação de rodovias em diversos estados, principalmente Bahia e Minas Gerais, que registram, até agora, a maior extensão de estradas danificadas.


--Continua depois da publicidade--

O próprio presidente Jair Bolsonaro, que está em visita oficial ao Suriname, anunciou a liberação dos recursos durante sua live semanal, transmitida pelas redes sociais. De acordo com o ministro da Infraestrutura, Tarcísio Freitas, que também participou da live, o governo mapeou a maior parte das rodovias danificadas pelas chuvas e enchentes ocorridas nas últimas semanas.

“Já mapeamos todas as situações, temos contratos para a maioria dessas situações. E aquelas que não temos [contrato] estamos na fase final para estabelecer essa contratação. Alguns problemas são mais simples de resolver e vão levar aí umas 48 horas, mas outros são mais complexos e podem levar algumas semanas”, disse o ministro.

Desenvolvimento Regional

Outra medida provisória editada nesta quinta-feira abre crédito extraordinário de R$ 550 milhões para ações do Ministério do Desenvolvimento Regional no enfrentamento das consequências das fortes chuvas e também no apoio a estados que vem sofrendo com a seca na Região Sul do país.

Segundo o governo federal, esse crédito vai atender despesas relacionadas a socorro, assistência às vítimas, fornecimento de água potável, cestas básicas, material de higiene e limpeza, combustível e dormitórios e colchões para os desabrigados. Também serão usados no apoio aéreo para o resgate da população atingida, transporte de medicamentos e equipamentos e restabelecimento de serviços essenciais, tendo em vista que muitas áreas ainda estão isoladas.


--Continua depois da publicidade--

Já em relação à estiagem na Região Sul, o crédito será direcionado para a aquisição de cestas básicas, locação de carros-pipa, gastos com combustível, entre outras medidas.

Gustavo Praiadohttps://www.cenariomt.com.br
Atualmente, trabalha na equipe do portal CenárioMT, produzindo conteúdo sobre economia, esportes e direitos da população brasileira, gosta de assistir séries, filmes de ação e de videogames. Editor também em conteúdos regionais, sempre atento as tendências que o internauta procura para ficar bem informado.

Publicidade


Publicidade

Lucas do Rio Verde

Combate ao tráfico
Motorista de aplicativo é detido com droga em Lucas do Rio Verde
maio 27, 2022
Lucas do Rio Verde recebe 1ª Roda de Conversa sobre Adoção nesta sexta-feira (27)
maio 27, 2022
INVESTIGAÇÃO
Em Lucas: polícia conduz cinco por porte ilegal de arma de fogo; suspeitos planejavam crime
maio 27, 2022
BOAS VINDAS
Juiz e delegados são recebidos em sessão especial pela OAB de Lucas do Rio Verde
maio 27, 2022