23.2 C
Lucas do Rio Verde
domingo, 25 julho, 2021
InícioCENÁRIO POLÍTICOAL-MTCom surto de covid-19 na sede da SES, deputado convoca secretário de...

Com surto de covid-19 na sede da SES, deputado convoca secretário de Saúde e Sisma

Por CENÁRIOMT

O deputado estadual Lúdio Cabral (PT) apresenta, na sessão da próxima segunda-feira (19), requerimento para convocar o secretário de Saúde de Mato Grosso, Gilberto Figueiredo, e convidar a presidente do Sindicato dos Servidores Públicos da Saúde (Sisma), Carmem Machado, para prestarem informações sobre o surto de covid-19 ocorrido na sede da Secretaria de Estado de Saúde (SES) nas últimas três semanas. Lúdio apresentou, ainda, um projeto de decreto legislativo para sustar os efeitos da Instrução Normativa 003/2021/SEPLAG, de 7 de maio, que determinou o retorno ao trabalho presencial dos servidores do grupo de risco no serviço público estadual.

“O surto de covid-19 na Secretaria de Estado de Saúde é mais uma amostra da gestão desastrosa que o governo de Mato Grosso faz na pandemia, alinhada com a gestão desastrosa que o governo federal faz da pandemia no Brasil. Mato Grosso é o 2º estado com maior mortalidade por covid no Brasil, e o 5º pior em vacinação da população. E o governo não toma medidas adequadas para conter a transmissão do vírus nem para acelerar a vacinação. É revoltante”, afirmou Lúdio.

Na convocação, prevista para terça-feira (10) a partir das 9h, Lúdio busca informações sobre o surto de covid na SES e as medidas adotadas para conter a epidemia. O parlamentar questiona, ainda, qual foi a resposta da secretaria aos sete ofícios enviados pelo Sisma à pasta sobre esse problema. O sindicato tem apontado a negligência da secretaria com os servidores na pandemia como uma das causas do surto, com mais de 60 servidores infectados por covid nas últimas três semanas.


--Continua depois da publicidade--

Médico sanitarista, Lúdio Cabral observou que as vacinas são eficazes para impedir as formas graves da covid-19, mas não impedem o contágio e a transmissão do vírus. Desse modo, Lúdio recomenda que o teletrabalho seja mantido para todos os trabalhadores que realizam serviços que podem ser feitos remotamente. Isso evitaria a situação atual, em que todos os servidores são obrigados a trabalharem presencialmente aglomerados em ambientes fechados, sem ventilação externa e sem espaço para distanciamento físico.

Servidores do grupo de risco
Na quinta-feira (15), Lúdio enviou também ofícios a Gilberto Figueiredo e ao secretário de Planejamento, Basílio Bezerra, cobrando o cumprimento da decisão judicial de dezembro de 2020 que determina o teletrabalho aos servidores do grupo de risco, o fornecimento de equipamentos de proteção individual (EPI) aos servidores que trabalharem presencialmente e a adequação dos ambientes de trabalho. Em 5 de maio, Lúdio já havia apresentado projeto de decreto legislativo para revogar o retorno de todos os servidores estaduais ao trabalho presencial, sustando os efeitos do Decreto 917/21, assinado pelo governador.

Rebeca Moraeshttps://www.cenariomt.com.br
Redatora do portal CenárioMT, escreve diariamente as principais notícias que movimentam o cotidiano das cidades de Mato Grosso.
- Publicidade -

Lucas do Rio Verde

LUCAS DO RIO VERDE
Policiais prendem homem armado após tentativa de invasão a motel em Lucas do Rio Verde
julho 24, 2021
Lucas do Rio Verde
Lucas do Rio Verde: desrespeito às interdições pode comprometer qualidade de asfalto
julho 24, 2021