20.7 C
Lucas do Rio Verde
sábado, 02 julho, 2022
Publicidade
InícioBoletim das RodoviasCriança de 5 anos recebe alta hospitalar; menina é uma das sobreviventes...

Criança de 5 anos recebe alta hospitalar; menina é uma das sobreviventes do acidente com ônibus

Texto por CenarioMT

Uma criança de 5 anos recebeu alta hospitalar após ficar uma semana internada. A pequena Maria Eduarda é uma das sobreviventes do grave acidente que deixou 8 pessoas mortas e diversos outros passageiros feridos.

O acidente aconteceu por volta das 12h00 da última terça-feira (17), na BR-163 entre os municípios de Sorriso e Sinop e envolveu um ônibus com 45 passageiros (mais o motorista) e uma carreta rodotrem carregada com soja.

Dos quatro passageiros que foram levados para o Hospital Regional de Sinop, a garotinha foi a única a receber alta até agora. Ela foi hospitalizada com um coágulo de sangue no cérebro.

A mãe da menor, Ângela Fátima de Souza, de 47 anos, e o irmão, Raul Vitor, de 11 anos, continuam internados. O menino foi internado em estado grave. A Ângela quebrou o braço, uma das pernas e uma vértebra. Ela está com complicação nos rins e pâncreas.

Outro paciente que continua internado no Regional de Sinop é o motorista do ônibus, Edimilson Pereira Campos, de 54 anos. No acidente o homem teve um dos braços amputados, porém, vem tendo melhoras em seu quadro clínico, informou o portal G1

De acordo com a secretaria de estado de saúde os pacientes que foram encaminhados para o Hospital Regional de Sorriso já receberam alta médica.

O Acidente

O acidente envolvendo um ônibus e uma carreta deixou ao menos 08 passageiros mortos, entre elas uma crianças de 11 anos.

O motorista do ônibus ficou preso às ferragens e teve um dos braços amputado. As primeiras informações são de que o motorista da carreta foi resgatado com vida e encaminhado a uma unidade de Saúde. As equipes de resgate conduziram os sobreviventes, tanto para hospitais em Sorriso, quanto para Sinop.

O acidente aconteceu  no Km 799 da BR-163, entre os municípios de Sorriso e Vera.

A confirmação dos óbitos foi feito, agora há pouco, pela 6ª Delegacia da Polícia Rodoviária Federal à imprensa que está no local cobrindo o ocorrido.

De acordo com o responsável pela PRF, Inspetor Leonardo Ramos, uma possível imprudência pode ter ocasionado esta tragédia na BR-163, considerada uma das maiores dos últimos anos.

“Um acidente muito trágico, uma tarde muito triste para nós. O saldo até o momento são 08 pessoas mortas e temos diversas pessoas que foram removidas para os hospitais. O motorista do ônibus teve o braço amputado no momento do acidente”, lamentou Ramos.

A colisão aconteceu em uma reta, de acordo com a PRF. O ônibus fazia o trajeto Cuiabá (saiu as 22h) com destino a cidade de Sinop. No veículo havia 45 passageiros mais o motorista do ônibus

“Isso serve de exemplo para tantos motoristas que fazem desse trecho, um trecho extremamente perigoso. Um show de imprudência, de desrespeito as sinalizações, de excesso de velocidade. O resultado, infelizmente é isso, é morte, é destruição, é prejuízo. Serão várias famílias que vão chorar hoje, pois seus parentes não vão voltar para casa”, complementou o policial.

“Infelizmente aconteceu aquilo (o acidente) que a gente trabalha diuturnamente para evitar, para que não aconteça. A dinâmica deste acidente ainda está sendo estudada e ainda é cedo para falarmos sobre o que realmente aconteceu, mas assim que os trabalhos forem concluídos, vamos passar par os senhores (imprensa) o prognóstico do que aconteceu. Um acidente muito grave, talvez um dos maiores que já registramos no trecho da 6ª Delegacia. O acidente aconteceu em um local que tem boa visibilidade, durante o dia, tempo bom e isso significa que, muito provavelmente, houve imprudência, houve negligencia, houve imperícia de algum dos envolvidos para que este evento trágico tenha acontecido com saldo de tantas perdas de vida”, finalizou Leonardo Ramos.

Estão trabalhando na ocorrência equipes da Rota do Oeste, Corpo de Bombeiros, Ciopaer, PRF e equipes de hospitais da região.

NOTA

O Núcleo de Comunicação da Polícia Rodoviária Federal emitiu nota sobre a tragédia ocorrida nesta terça-feira (17), na BR-163.

Acidente registrado hoje pela manhã no município de Vera – MT (459 km da capital Cuiabá) no km 799 da BR 163.

Foi um acidente do tipo colisão lateral entre um ônibus e um rodotrem.

Como resultado da interação dos veículos, diversas partes do veículo de carga foram arremessadas no piso inferior do ônibus, o qual tem 2 andares.

Já no piso superior observou-se a queda do teto do veículo, causado provavelmente pela queda de uma parte grande da carroceria do rodotrem sobre o teto do ônibus.

Como causa imediata do acidente 08 pessoas morreram no local, o condutor do ônibus teve um braço amputado, o condutor do rodotrem, que tombou sobre a pista e derramou toda a carga de soja que transportava, sofreu lesões leves.

Todas as vítimas que sobreviveram ao acidente foram socorridas por ambulâncias do Corpo de Bombeiros, Concessionária Rota do Oeste, ambulâncias de particulares que passavam pelo local.

As vítimas mais graves foram socorridas pelo Águia 04 da Base do CIOPAER de Sorriso para hospitas em Sorriso e Sinop.

A pista no local está em bom estado de conservação, bem sinalizada, o tempo estava bom. O local é sinalizado com faixa contínua amarela no sentido decrescente (Sorriso) e faixa seccionada amarela no sentido crescente (Sinop).

Tragédia da BR 163 mostra necessidade de solução para duplicação da rodovia

João Ricardo
João Ricardohttps://www.cenariomt.com.br
Possui experiência em produção textual e, atualmente, dedica-se à redação do CenárioMT produzindo conteúdo sobre a região norte de Mato Grosso.

Publicidade


Publicidade

Lucas do Rio Verde

SAÚDE
Em visita, parlamentar anuncia recursos para o Hospital São Lucas
julho 01, 2022
PROJETO SOCIAL
Famílias prestigiam formatura da 11ª turma do projeto Bombeiros do Futuro em Lucas do Rio Verde
julho 01, 2022
Em Lucas
Bombeiros combatem incêndio em armazém por quatro horas seguidas
julho 01, 2022
Lucas do Rio Verde
Secretaria Municipal de Saúde divulga alerta sobre toxoplasmose no município
julho 01, 2022