21.7 C
Lucas do Rio Verde
sexta-feira, 16 abril, 2021
InícioBoletim das RodoviasCachorro resgatado pela Rota do Oeste na BR-163, em Sinop, ganha família...

Cachorro resgatado pela Rota do Oeste na BR-163, em Sinop, ganha família em Cuiabá

Por Cenário MT/Rota do Oeste

O cachorrinho Snoopy encontrou nova família depois de ter sido resgatado pelas equipes operacionais da Rota do Oeste. Ele foi encontrado no perímetro urbano do município de Sinop, recebeu tratamento veterinário e ficou abrigado no Projeto Luta e União de Amigos para Animais em Risco (Projeto Lunaar), que é parceira da Concessionária, até encontrar um lar responsável.

A adotante Michele de Freitas Vilio (33) conta que tem 6 animais e todos são adotados, pois sempre foi ligada à causa. Acrescenta que viu o anúncio de Scooby no Instagram do Projeto por acaso e logo mandou mensagem com o intuito conhecer o animal de perto. Relata que ele sofreu fraturas nas patas e precisou ter a dianteira direita amputada. “Quando eu vi a foto dele, eu nem reparei que ele não tinha uma das patinhas, mas não mudou em nada meu sentimento quando eu descobri”, diz.

O gerente de Sustentabilidade da Rota do Oeste, Wilmar Manzi, conta que a adoção do animal resgatado faz parte da preocupação da empresa perante a causa. Ele considera que a parceria com o Projeto Lunaar é de grande valia, pois assim os animais aguardam por uma família em um lar temporário adequado. “O resgate é o ponto inicial da preocupação que sempre tivemos, para que os animais domésticos não corram risco na rodovia, mas é importante acompanhar as demais etapas, até chegar na adoção”, explica.

Para a adotante a parceria entre Rota do Oeste e Projeto Lunaar é essencial. “Eu não sabia da parceria até eu adotar, e fiquei feliz em perceber que os bichos que são resgatados na estrada recebem tratamento e são cuidados até encontrarem uma casa. Que bom que o Snoopy agora tem a dele”.

O animal foi encontrado bastante ferido pelas equipes da Rota do Oeste durante o plantão de Natal de 2020 e desde que deu entrada na clínica veterinária, passou por procedimentos nas patas. Carla Fahima, membro da diretoria do Lunaar, explica que o cachorro chegou no abrigo no dia 08 de janeiro, mas teve que voltar à clínica seis dias depois. Desde então, buscava-se alternativas para que a pata dianteira fosse mantida, mas não houve evolução no tratamento. No dia 24 de fevereiro, voltou ao abrigo, para que pudesse se recuperar da cirurgia em segurança e com os devidos cuidados.

Michele conta que o Snoopy já se sente em casa e que o animal se adaptou bem à cirurgia. “Ele corre e anda bem, brinca com os outros três cachorros e com os três gatinhos, que eu já tinha. Parece que ele sempre fez parte dessa família”, finaliza.

Sobre a parceria

A empresa resgata os animais que são localizados às margens da rodovia, em todo o trecho sob concessão (que vai de Itiquira a Sinop) e os direciona para tratamento em clínicas veterinárias, para que os procedimentos necessários de recuperação do animal sejam feitos. “A parceria é, sem dúvidas, uma melhoria no procedimento, porque o Projeto Lunaar oferece moradia e cuidado na recuperação, durante o aguardo da adoção”.  A empresa também fornece apoio nos custos de tratamento dos animais resgatados pelo próprio Projeto.

Fahima acredita que a atitude da Concessionária possibilita que muitos animais ganhem os cuidados necessários. “O apoio é muito importante, porque o Projeto sobrevive de doação. Além disso, a atitude aumenta as chances do animal que antes estava na rodovia, encontrar um lar saudável e amoroso”

Como adotar

Os interessados em adotar um animal resgatado pela Rota do Oeste e também pelo Projeto Lunaar, podem acessar as redes sociais buscando por @projetolunaar no Facebook ou no Instagram.


- Publicidade -

Últimas no CenárioMT

Lucas do Rio Verde

NOVO DECRETO
Em vídeo, Miguel Vaz fala sobre novo decreto e pede atenção da sociedade para prevenção a covid-19
abril 15, 2021
GERAL
Moradora de Lucas do Rio Verde ganha R$ 10 mil no sorteio do Programa Nota MT
abril 15, 2021